Arquivo da categoria: Sem categoria

Cover watch- “Stay Punk”.

stayid

De volta com Tag antiga aqui do site! Dando uma analisada nas capas de Março, conclui que a moda subversiva com ares contemporâneos e uma boa dose rock´n´roll está dominando. Pense em um look tweed Chanel, com detalhe punk em algum acessório e atitude desafiadora.

Abrindo com a capa da ID e a choker incrível em clima S&M.

Na Vogue Japão, a perfecto rosa é combinada com bermuda de tachas em look total Louis Vuitton:

stayvnippon

Na Love, o cinto usado com blazer, a coroa Miu Miu e a meia arrastão dão o tom. O punk fica colorido além do típico vermelho.

staylove

Na Vogue Paris, a mensagem é mais sutil. O cinto mega sofisticado da Chanel lembra bem a choker da capa da ID, não acham?

 

staypunkvpatis

A Vogue austrália busca no grunge e em Courtney Love dos anos 90 a referência:

libertineforever.com

Elle Fanning também posa grunge queen no recheio, usando onipresente vestido camisola:

punkelle

Nas páginas internas, Vogue Itália com vestido delicado de renda complementado pela botinha e jaqueta bomber oversized:

stayvitalia

A Vogue americana, sempre mais polida, aposta na mochila decorada e no look Vuitton:

staypunkvus

Na ID a idéia continua nos editoriais. Reparem na atitude e na saia incrível:

grace

Vogue Espanha, mira no lado sexy da tendência: Notem que cabelos curtos, make com olhos marcados ajudam a passar a mensagem:

vogueespanha

Na edição coreana, a jaqueta de couro e o batom escuro:

stayvjkorea2

Na Portêr, o punk vai ao baile de gala, com gargantilha e vestido decorado de spikes:

stayporter

A Elle americana também utiliza de estereótipos com a perfecto exatamente como as adoradas pelos Sex Pistols no final dos anos 70:

punkvaus

Fechando com styling da Vogue Russia: O vestido leve contrasta com as botas pesadas, a jaqueta, a gargantilha e a coroa:

punkvrussia

God save the Queen indeed!

Imagens: Reprodução.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Sem categoria

(Micro) Trend alert – Retorno do colete de alfaiataria.

coleteedit2

Alongados, de pele/pelúcia, com apelo étnico, jeans…Nos últimos tempos, os coletes andam dominando as ruas, todos exceto em sua forma mais clássica: O modelo alfaiataria. Em 2005, Kate Moss foi a responsável por emprestar apelo cool ao estilo e eles viraram peça hit instantânea. Após uns anos de descanso, eles ressurgem no embalo da década queridinha do momento, os anos 70.

A top com sua peça inseparável de 2005/2006. Colete e estilo rocker nonchalant:

kate

Em clima vitoriano, complementam bem o vestido branco com toque romântico, como na foto que abre o post.

Abaixo, ajudam a acinturar o vestido fluido e meio boho:

coleteedit

Alexa Chung garantiu o seu no material que será fortíssimo em 2016: O veludo.

coletealexa

Usado com outras peças de alfaiataria, equilibra a silhueta oversized:

coleteinterview

Versão escritório, perfeito para trabalhar e cheio de sofisticação:

coleteedit3

Nas ruas, a presença ainda é tímida. Elena Perminova apostou no conjuntinho durante a semana de moda de Milão:

coleteelena

Em look que já apareceu por aqui, Anja Rubik faz um mix anos 70s glam com peças étnicas. Experimento que deu mega certo:

anja

Em visual mais business no combo infalível: Colete + Camisa branca.

colete

Uma peça versátil para usar e abusar independente do estilo.

Fotos: Reprodução.

Deixe um comentário

Arquivado em Sem categoria

Para inspirar- Verão 2015.

1iro

As campanhas de Inverno já estão por toda parte, mas olhando da temporada de Verão quis compartilhar aqui para irmos sonhando com o nosso Verão em breve.

Adorei o look preto com mix de texturas da IRO, perfeito para meia estação também.

Saint Laurent com jaqueta de inspiração militar bem Sgt Peppers e saia animal print. Mais rock´n´roll impossível:

saintlaurent

 

Vale prestar atenção nas plataformas. Esse modelo anos 70 com salto grosso será queridinho do Verão:

sl2

Na Mango, jeans no material e na cartela de cores:

1mango

 

A J.Brand vai no branco monocromático:

jbrand

Na Chloé os óculos redondos dominam:

chloé

Topshop arrasa na beleza de Cara Delevigne, esse make funciona o ano todo:

topshopFotos: Reprodução.

 

Deixe um comentário

Arquivado em Sem categoria

Editorial Revista Donna- Alfaiataria nada séria.

al4

al3

al1

al2

Looks para inspirar a semana que está começando.
Créditos:
Styling: Roberta Weber
Assistente de styling: Anna Berthier
Beleza: Bianca Duarte
Modelo Janaina Nilsson (Joy models)

Fotógrafo: Gabriel Not (Oroboro Estúdio)

Fotógrafo assistente: Martin Cardoso (Oroboro Estúdio)

Tratamento: Casulo conceito em imagens

Locação: Musgo Design (Vieira de Castro, 80)

Look 1 (sentada na cadeira):

Calça Tufi Duek

Colete Artsy para Tissatt

Regata Muy Guappa

Tênis acervo stylist

Bracelete Zara

Look 2 (calça azul)

Calça Muy Guappa

Camisa jeans Muy Guappa

Capa Artsy para Tissatt

Broche acervo stylist

Sapatos Miezko

Look 3 (na banheira):

Macacão Muy Guappa

Colete Stella McCartney

Braceletes, brincos e anel acervo stylist

Look 4 (look branco):

Calça Rag & Bone

Blusa de couro peplum Cris Capoani

Mocassim Cris Capoani

Cinto e pulseira acervo stylist

Look 5 (bicicleta):

Saia Tissatt

Colete Tissatt

Body Stella McCartney

Camisa vintage

Óculos Ray-ban

Scarpin Miezko

Deixe um comentário

Arquivado em Sem categoria, Trabalhos

#LFW e #MFW- Favoritos Inverno 2015/16.

lfw2

O mês da moda chegou ao fim hoje em Paris, e já que demorei para trazer o resumo de Londres e Milão, optei por juntar as duas cidades e mostrar para vocês os meus favoritos de uma vez só.

Em Londres, azul petróleo e referências folk ganharam força, veludo molhado também aparece como protagonista , assim como na NYFW. Xadrez em variadas versões, geométricos e florais soturnos complementam o mood boêmio chic.

Anos 70 voltaram para ficar um tempo, pelo menos Christopher Bailey na Burberry Prorsum acredita nisso.  Os icônicos trench coats vieram em versão camurça e com detalhes franjados, capas e ponchos completam o figurino que parece ter saído direto de alguma banda folk . Botas estampadas surgiram no pre-fall da Valentino e da Pucci e agora ganham ainda mais destaque devido à Burberry. Para ficar de olho!

lburberry

Antonio Berardi  teve um desfile irregular, boas tentativas de hi-lo misturando barroco com esportivo. Toques orientais e referências origami complementaram. Legal se inspirar na mistura de peças de alta festa combinadas com outras sporty:

antonio

Lucas Nascimento representou muito bem o Brasil. Definitivamente indo além da sua marca registrada, o tricô, ele apresentou uma coleção confiante e com ótimo styling. Adorei as peças em couro marrom:

lllucasnascimento

Mary Katrantzou me remeteu à Prada nos melhores momentos do desfile, certo glamour intelectual e old school, cartela de cores discretas e muitas texturas interessantes

lmary

Mulberry cada vez mais tem me feito pensar na garota da “Chloé” com sua nonchalance nostálgica e minimalista, mas com forte apelo britânico. Deu para observar a volta do sapato combinado com bolsa, presente em Milão e em Londres:

lmulberry

Simone Rocha com um folclórico sombrio, cartela de cores reduzida à preto, off white e vermelho e uso de matérias brocados e veludo molhado. Atmosférico e cool:

lsimone

Thomas Tait Ganhou lugar aqui exclusivamente pelas jaquetas oversized, com referência anos 80, achei a coleção inteira incrível. Nome para guardar:

LTHOMAS

Topshop Unique optou pelo simples, mas me ganhou nos looks anos 70, um pouco disco e um pouco folk. O blazer bordado da primeiro foto certamente será best-seller:

ltopshop

Roxo e tons de pedras preciosas chamaram atenção em Milão, alfaiataria e um guarda-roupa pensado para mulher contemporânea, com ótimos separates e looks com calça foram destaque. Uma moda prática, utilitária e adulta.

Karl Lagerfeld realizou meu desfile favorito da semana milanesa na Fendi. Tons terrosos, muito couro e comprimentos mais curtos com influência 60´s:

lfendi

A cartela de cores da Bally e as ótimas referências de styling para ambiente profissional:

lbally

Em sua derradeira coleção para Pucci, Peter Dundas urbanizou ainda mais a mulher sexy da marca. A década de 70 continua sendo ponto de partida, mas o esporte avança nas peças em influência discreta.

lpucci

Etro e o multiculturalismo com requinte, a cartela de tons neutros complementada por bronze e dourado foi minha favorita:

letro

Salvatore Ferragamo impossivelmente chique: Comprimentos midi, ombros bem estruturados e cintura marcada:

lsal

Já já eu volto para comentar Paris.

Fotos: Reprodução.

Deixe um comentário

Arquivado em Sem categoria

Preview editorial- 60´s.

vogue

Uma preview do editorial anos 60 que fizemos semana passada acaba de sair no site da Vogue Itália. Notícia maravilhosa para fechar 2014!

Styling: Roberta Weber.

Foto: Fernando Rezende.

Beleza: Ana Ferrary.

Assistente de styling: Flavia Bergallo.

Modelo: Dani Witt (Joy models).

 

Look:

Capa de couro: C.Mindov

Saia: Thelure.

Blusa, brincos e sapato: Acervo stylist.

Confere no site clicando aqui.

Deixe um comentário

Arquivado em Sem categoria

Favoritos- Oliver Peoples.

op6

Clássica, icônica e interessante. A marca Oliver Peoples carrega um certo glamour old school e sempre me dá vontade de entrar no lifestyle envolvente que sua estética incita. É a alternativa perfeita para quem quer adquirir óculos com longevidade, identidade e  um charme cool.

Linhas simples, sofisticadas e atemporais são características notórias dos óculos, escuros e de grau, e muito bem traduzidas nas imagens das campanhas:

op5

Criada em LA nos anos 80, design, arte e arquitetura são sempre celebrados em todos os produtos(e campanhas). Os modelos masculinos são os meus favoritos:

op7

Na coleção resort, a casa Boyd, obra do nosso Oscar Niemeyer é o cenário, dentro móveis projetados pelo próprio, assim como Charlotte Perrand, Jean Prouvé que ajudam a contar a história:

OP1

Essa é a única residência projetada por Niemeyer nos EUA:

OP3

op13

Amanda Hearst foi a eleita do inverno 2014:

op9

 

Dakota Johnson em 2012:

op8

Shape aviador é um dos best-sellers:

op11

A minha campanha favorita é a estrelada por Devendra Banhart e Rebecca Schwartz em 2011, na época um casal na vida real. Em clima nouvelle vague e gravado na famosa Rainbow House, obra do arquiteto John Lautner.

OP

O vídeo da campanha é fantástico, quem não viu dá play imediatamente, e quem viu também porque sempre vale a pena assistir novamente:

Quem já assistiu o filme (um dos meus favoritos) ou leu o livro “Psicopata americano”, talvez lembra da predileção que Patrick Bateman e Paul Allen dividiam por óculos OP:

OP2

Para inspirar e terminar bem o Domingo.

Fotos: Reprodução.

Deixe um comentário

Arquivado em Sem categoria