Arquivo da tag: anna dello russo

Trend watch- Azul.

azul

Não tem para ninguém, o azul e sua infinidade de tons, é o eleito da temporada. Prova disso é sua predominância nas principais publicações do mês.

A capa da Vogue China traz Mariacarla Boscono com vestido Valentino.

Na Vogue Paris, o look cheio de glamour tem o complemento do tom:

bluevparis

Look noite na L´Officiel Russa com Coco Rocha. Aliás, o azul é ótima aposta na hora de escolher roupas de festa. Menos óbvio que o preto, mas tão elegante quanto.

lofficiel

A Elle UK decreta o azul navy como a cor do Inverno de lá:

blueelleuk

Já a Vogue Nippon traz influência punk na composição:

BLUEVNIPPON

Mais navy, dessa vez na Bazaar UK. Marinho fica incrível combinado com cinza e nude:

bluebazaaruk

Drama na versão da Mixte que envolve capa e plumas:

bluemixte

Adorei o mix na Chloé, já no clima do Verão que vem, transparências e jeans:

BLUECHLOE

Observando as fotos de  street style da temporada Verão 2014 de Tommy Ton, não restou dúvida qual a cor mais popular para bolsas. Shapes variados, mas uma coisa em comum? O azul!

bluestreet2

Clutch boxy em tom pastel:

bluestreet

Mais lady-like e de croco:

bluestreet7

Alça longa da Kenzo:

bluestreet6

Tipo satchel:

bluestreet4

Tricolor:

bluestreet5

Clarinha e estampada da Prada:

bluestreet3

50 tons de…

Fotos: Tommy Ton/Reprodução, TheFashionSpot, Zinio.

Deixe um comentário

Arquivado em Acessórios, Como usar?, Fashion Week, Inspirações, Trend alert

Adaptando a tendência- Vestidos para o final do ano.

Final do ano chegando e o número de eventos parece se multiplicar a cada semana. Eu sempre acabo elegendo um “uniforme” para esses dias em que não quero pensar muito, mas preciso estar arrumada. Não dá para negar que a melhor opção é sempre um vestido, já que a peça sozinha resolve o look e só precisa dos acessórios certos. Pensando nisso, escolhi as tendências que acho mais relevantes no verão 2012/13  para inspirar os vestidos de final de ano.

Assimetria e fenda-

longo

Em animal print como a foto que abre o post, o look ganha ar setentista, sex appeal e muito glamour. Dá para optar pela fenda em estilo mais romântico como o verde menta, ou ir de tom vibrante para resultado gráfico e moderno.

Decorativista-

decorado

O maximalismo e suas vertentes, como o decorativismo, tem tudo a ver com o clima festivo de Dezembro. A aposta da Vogue Nippon, em nude com aplicações de tachas é super contemporânea e minha versão favorita para esta moda. Em tule, como o modelo Pat.Bo da Chiara Ferragni fica em estilo princesa, já o Balmain de Anna Dello Russo é mais barroco. Pérolas, tachas ou outras aplicações são uma das melhores pedidas para incrementar vestidos de festa.

decorados

Tom pastel-

tompastel

A temporada é das candy colors e quem escolher um vestido no tom não vai errar! O exemplo acima é um McQueen super romântico. Mas também dá para optar por modelos de alfaiataria como o lilás da Diane Kruger, ou apostar em um modelo inspirado no minimalismo romântico que mostrei neste post.

pastel

Tom vibrante-

corviva

Neon e cores vivas só ganham força durante os meses mais quentes e são ótimas maneiras de chamar atenção para o bronzeado. Misturado com brilho, como no exemplo acima, ou em bloco de cor com acessórios fortes, o sucesso é certo! O look laranja de Miroslava Duma é lindo e pouco óbvio.

vibe

Renda-

renda

Já mencionei o material no meu top 10 de Verão, e um vestido com este efeito nunca sai de moda. O branco da Hanneli é a cara do ano novo, vale lembrar que manga longa ou 3/4 ajuda a equilibrar um vestido de comprimento curtinho deixando-o mais elegante. Renda colorida também não fica de fora.

renda2

Curvas-

arquitetonico

Curvas acentuadas são um dos hits do momento (Lembram deste post?), o mais atual é com babados e pegada anos 80 como o Lanvin acima. Ou o estilo minimalista apresentado pela Gucci e Givenchy na última temporada de desfiles em Setembro. Em compensação, a forma mais fácil de aderir é através do peplum ou da saia em shape flute. Que deixam a silhueta em evidência e tem um ar lady-like. Boa pedida para as comemorações de trabalho.

branco

Brilhos-

gold

Para concluir, metalizados em geral são sempre uma boa idéia para comemorações, o dourado parece ter sido criado para a época de Natal. As mais discretas podem utilizar a cor nos acessórios, ou em detalhes do vestido, como um bordado em look de tom neutro. Dourado e preto é uma combinação clássica! Outros tons como cobre também são opções interessantes. O contraste hi-lo despretensioso de Jessica Hart com vestido de paêtes e ankle boot preta é meu favorito.

gold2

Já escolheram seus vestidos para as festas de final de ano?

Fotos: Vogue.com, Zinio, VogueNippon, TheBlondeSalad, Rag&Bone, StreetPepper, Hanneli, TuulaVintage.

2 Comentários

Arquivado em Adaptando a tendência, Como usar?, Inspirações, Update das tendências

A peça “statement” do Verão 2012:

Já falei sobre a importância que as bijus e jóias ganharam na moda nos últimos tempos. Os colares statemente são os favoritos há várias temporadas, mas muitos anéis e mais recentemente, pulseiras, tem sido as opções favoritas para incrementar looks.

Com a onda do maximalismo , a proposta dos estilistas na Milan Fashion Week são os brincos statement, se em conjuntinho com o colar,  melhor ainda.

A Prada sempre faz um dos desfiles, senão O mais influente da temporada, e apostou pesado nos brincos de flores combinados com os colares com as mesmas pedras. O desfile de inspiração em carros e toque de anos 50 trouxe muitas peças desejo, entre elas o óculos gatinho, que tem tudo para substituir os redondos Minimal Baroque da coleção atual:

Outra que apostou na dobradinha de “mais é mais” com brincos e colar statement foi a Pucci, com inspiração na Espanha e ar cigano, super feminino. Destaque para os crucifixos que eu já havia antecipado aqui:

A D&G foi além e criou um híbrido de brinco e maxi colar, bem interessante, mas muito pouco usável.Já a Dolce & Gabbana criou vários modelos diferentes para sua coleção belíssima, como este com influência anos 60:

Com seu desfile com DNA total da mulher Italiana, a Dolce & Gabbana foi “à feira” e trouxe estampas de tomate, cebola, pimentões misturando com suas marcas registradas como brilhos, pedrarias e renda e criou os brincos mais inusitados da temporada: Em formato de massa, rabanete, pimenta…

Close-up dos brincos no backstage da Dolce. Vocês usariam?

Os brincos statement já virarão moda entre os frequentadores da temporada de moda Internacional: Teresa Missoni e Giovanna Battaglia em Milão.

E na Paris Fashion Week Anna Dello Russo, a ecêntrica stylist Catherina Baba  e Olivia Palermo já aderiram:

Acho que esta moda tem tudo para pegar no Brasil…

Fotos: Style.com, StylePepper, Zimbio.

9 Comentários

Arquivado em Acessórios, Fashion Week, Inspirações, Trend alert

O “maximalismo” da temporada.

Ontem mencionei a palavra maximalismo no post sobre brilhos.  O termo é usado nas artes, música, literatura…Na moda representa a máxima “mais é mais”: Luxo, excesso, opulência. Na temporada de Inverno a tendência aparece em versão mais refinada, materias como plumas, peles coloridas, paêtes gigantes são utilizados para traduzir a idéia.

Normalmente as décadas do momento são em ciclos de 20 anos, esse revival dos anos 90 como minimalismo, grunge, super confirma a tese. No Inverno temos os anos 40, 60 e 70 como foco. Também é normal, depois de um certo tempo, ir para o lado oposto do que andamos vendo. O minimalismo que voltou à tona pelas mãos de Francisco Costa na Calvin Klein collection, Phoebe Philo na Celine e Raf Simons na Jil Sander (mas que continua com muita força), refletia o momento atual, com a crise econômica e recessão que ocorreu em 2008. Com uma onde de otimismo que surgiu, a resposta também veio pela moda, sai os anos 90 e seu clima mínimo e “heroin chic” e entra o maximalismo: da calça skinny às flares e pantalonas, dos saltos médios às plataformas gigantes, muitos brilhos (como mostrei no post de ontem), o color blocking, a mistura de estampas, os acessórios oversized.

Alguns exemplos das passarelas de Outono/Invern0 11-12:Versace, McQueen, Balenciaga e Emilio Pucci.

Para a noite, Marc Jacobs e Prada propôem os paêtes em versão extra grande e garantem o clima do momento:

Nas revistas do hemisfério Norte que os primeiro editoriais da temporada Invernal é um dos conceitos mais marcantes.

Em vestidos fluídos e esvoaçantes na Harpers Bazaar Americana de Setembro:

Na Elle Americana de Setembro: Estampas graúdas e formas amplas, sem contar nas sobreposições e silhuetas aumentadas (o look florido é da  normalmente minimalista Jil Sander).

A versão Inglesa da Elle posta nas plumas coloridas da D&G e no look mais rocker com calça metalizada, pele e sobreposições:

Dá para “maximizar” o look através de detalhes, na Vogue Itália de Setembro a tendência aparece no volume setentista dos cabelos das modelos, já na Bazaar Inglesa o a produção minimalista ganha bracelete maxi, bem marcante.

Exemplo mais do que extremo de mulher maximalista: A diretora criativa da Vogue Nippon Anna Dello Russo:

Com espaço para os dois lados, a moda do momento não permite meio-termo: Minimalista vs. Maximalista, as mulheres da temporada parecem se dividir entre os dois grupos. Qual é o seu?

Fotos: style.com,

11 Comentários

Arquivado em Inspirações, Trend alert