Arquivo da tag: Anya Hindmarch

Minimalismo clássico nas bolsas e marcas para conhecer.

garance

Imagem Reprodução: GaranceDore.fr

Bolsas são os itens de moda que mais exercem fascínio no universo feminino, juntamente com sapatos. Muitas mulheres optam por investir em modelos mais caros e quando o investimento é alto, a preocupação de ser mega aproveitado só aumenta.

A boa notícia é que linhas clássicas e estilos atemporais prometem dominar os próximos meses. As extravagâncias não foram abandonadas, foram apenas transferidas para os modelos noturnos ou clutches. Animal print, florais, pedras aplicadas serão bem populares para estes estilos.

Já ouviram falar na marca Everlane? O modelo Petra  é uma tote bem básica, mas que ganhou espaço entre as celebridades e gerou curiosidade geral. Com preços mais acessíveis que outras bolsas hit (entre 325 e 460 dólares). A marca ganhou fama devido à Angelina Jolie, que foi fotografada em Londres com carregando uma. Iniciada em 2011, foi no ano passado que a label resolveu entrar nos básicos de luxo. A fila de espera para a Petra é de 7000 nomes!

everlane

Olivia Mumm, Kate Mara, Angelina, Jessica Alba…

everlane

A Mansur Gavriel se tornou hit em NY com modelos saco, sold out no Net-a-porter. Desde que a Louis Vuitton relançou sua Noé, os modelos bucket fizeram retorno triunfal. Esse toque anos 90 é o trunfo da Mansur. Bem minimal,  design elegante é o foco da neo marca:

mansur

Nas ruas, o apelo é inegável. É favorita de blogueiras cool como Leandra Medine e Garance Doré:

mansur2

Clare Vivier, todos os modelo são fabricados em Los Angeles e a proposta é moderna e clean. Cores vivas são alternativas para fugir do básico em uma bolsa com design clássico:

clarevivier

 

Valextra: De nova a marca italiana não tem nada, mas é verdade que caiu no ostracismo há algum tempo e agora ganha um merecido revival.  Opção perfeita para quem ama a herança tradicional e qualidade indiscutível da Hermês, mas dispensa o clichê que a marca carrega:

valextra

Estilos mais estruturados, ótimos para looks mais profissionais são marca registrada:

valestra2

Anya hindmarch- Favorita das inglesas, as bolsas de Anya aparecem repaginadas para a temporada. A ordem é minimal e atemporal. O modelo bucket com tassel é meu eleito:

anya

Loewe- Reinvenção e resgate são palavras chave da atual fase da Loewe, o designer Stuart Vevers é expert em acessórios e fez um update em modelos incríveis e icônicos da marca como Amazona e Flamenco, antes de abandonar a maison espanhola e migrar para a Coach este ano:

AMAZONAStella McCartney ea bolsa Beckett. Seu modelo mais conhecido, Falabella,  é enfeitado por detalhe de corrente e ganhou diversas texturas, já o último lançamento aposta na máxima do menos é mais:

beckett

Na Louis Vuitton, a primeira linha lançada com Nicholas Ghesquiére no comando vai pelo mesmo caminho e dá adeus aos logos exagerados:

MICHELLE

Em tempo, a Gucci acaba de lançar a coleção de acessórios em couro “Bright Diamante”. Linhas limpas e pouquíssima informação, o charme fica na cartela de cores, bem vibrante! Reparem que o modelo saco surge novamente, belo investimento para as próximas estações:

Compre agora, use sempre.

Fotos: Reprodução.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Acessórios, Inspirações, Minimal vs. Maximal, Trend alert

#LFW- Favoritos Inverno 2014/15.

Burberry Prorsum Catwalk - London Fashion Week 2014

Segue o baile chegando na segunda parada da temporada internacional: Londres. Para quem não conferiu, logo abaixo dessa postagem tem os meus favoritos da NYFW.

Assim como na semana nova-iorquina, a cartela de cores também priorizou o azul e suas variações, o fuchsia e tons cítricos em especial amarelo e laranja.  Entre os neutros, preto, camelo e cinza foram os eleitos. Ao contrário do cetim e tecidos de acabamento brilhoso de NY, na Inglaterra o veludo molhado recebeu mais atenção, assim como paetês.

As estampas já se tornaram especialidade da nova safra de designers londrinos, para o Inverno florais e abstratos surgiram com frequênia. Como mostraram Peter Pilotto, Michael Van Der Ham, Marques Almeida e Erdem:

print

As bolsas de Anya Hindmarch são hit há muitos anos na Inglaterra, Sienna Miller usa direto assim como Olivia Palermo, em seu desfile de acessórios me apaixonei pelos modelos listrados com tassels oversized. Observem os tons cítricos quebrando a cartela de neutros:

anya

A gaúcha Barbara Casasola continua se firmando como um grande nome para observar. Sua proposta para o Inverno 2014 é fiel ao estilo austero e sofisticado de suas coleções passadas, mas ganha detalhes mais interessantes como a cartela de cores e styling impecável. Uma mulher elegante e com toques de sensualidade:

barbara

Simone Rocha já ganhou post aqui no site “Nome para guardar- Simone Rocha”  e cada vez mais confirma seu status de promessa da moda. Volumes estratégicos, um certo ar couture misturado com o street que ela faz tão bem, adorei as peças em estampa de cobra e os looks pretos texturizados. Reparem novamente no styling com vestidos lady-like combinados com sapatos masculinos:

simone

David Koma, mais um talento direto da Saint Martins, acaba de assumir como diretor criativo da Thierry Mugler. A veia 80´s pode ser identificada também em uma certa influência aos vestidos estruturados e mega femininos de Azzedine Alaia:

david

Seguindo na mesma linha, Antonio Berardi cria para uma mulher autoconfiante. Os sapatos feitos por Rupert Sanderson também chamaram atenção e emprestaram um ar fetiche às composições:

antonio

A mulher cool e nada óbvia da Joseph:

joseph

Adoro a acessibilidade da Unique, marca premium da Topshop, as peças são apresentadas com styling bem “vida real” e traduzem diretamente os conceitos que vão permear a estação. Fiquei encantada com as botas acima do joelho em camurça (pelo visto serão os modelos mais relevantes do próximo Inverno):

unique

Meus favoritos foram os vestidos de Mary Katrantzou, que abriu mão da estamparia digital para investir em uma certa influência folclórica e em um trabalho primoroso:

mary

O desfile da Burberry Prorsum é sempre o mais prestigiado. Os acessórios e lenços com aspectos de pintados à mão, artsy e bohemian ao mesmo tempo, criaram uma imagem romântica. O mix de texturas também foi primoroso:

bur2

Mas comercialmente, a grande sacada da marca foi apostar nas mantas, pesadas e em cartela de cores outonais,  que fecharam o desfile. Elas poderão ser customizadas e despertaram desejo imediato. Vale lembrar que com a democratização da moda, cada vez mais o exclusivo ganha espaço e a customização tem sido uma arma poderosa para manter o interesse dos clientes.

lenço

E Milão já começou, no finde eu volto para dividir com vocês o melhor da temporada Italiana.

Fotos: Vogue.com.

Deixe um comentário

Arquivado em Fashion Week, Londres

“Glitterati”- Brilho dominando a temporada e as vitrines em NY.

Definitivamente esta moda não foi feita para as mais discretas (estas podem optar pelo minimalismo, que continua forte, mas anda perdendo espaço para o “maximalismo”). Por aqui todas as lojas e vitrines decretam que é tempo de brilhar: Muito paetê, glitter, bordados brilhosos, a ordem é reluzir.

Os brilhos são ótimas opções para deixar looks neutros mais especiais, para testar o mix de texturas tão em alta no momento, e claro, para ocasiões de festa: brilho é praticamente sinônimo de comemoração.

A aposta mais certeira de incorporar esta idéia é através dos acessórios: Na onda maximalista do momento, a Bergdorf Goodman sugere a clutch brilhosa com vestido de plumas, perfeito para A festa.

A Miu Miu (também bem maximal) sugere a bolsa de paetês com a pele colorida, outro item anos 70 que promete dominar os looks de Inverno.

Duas tendências em uma: Brilho e franjas na Bergdorf Goodman.

As clutches, carteiras pequenas de festa, são a opção perfeita para enfeitar com materiais brilhosos.

Nos sapatos também fazem a diferença em qualquer produção: A preferência tem sido nos scarpins, o modelo de sapato clássico que voltou a ser “queridinho”. Mas a sandália de cristais Pierre Hardy também representa bem o clima.

Diane Krueger já apareceu usando sua Miu Miu Trompe l´Oeil glitter ankle boots – possivelmente o sapato mais desejado da temporada

Nas roupas os brilhos ganham espaço em todas as peças: das calças, passando pelos vestidos, blazers e blusas como esta abaixo na vitrine da Barneys.

Para a noite a proposta é mais ousada: Acessórios e roupas com brilho, preferencialmente de fontes diferentes como o vestido bordado com a clutch de metais.

Neste o vestido laranja ganha recortes bordados e é combinado com o scarpin Louboutin todo cravejado.

A coleção Pre-fall da Chanel, com sua luxuosa inspiração na era Bizântina propôe o vestido e o acessório de cabeça embelezados.


Uma das marcas que apostou pesado nesta moda foi a Dolce & Gabbana, além das estrelas que já mostrei aqui, renda e os brilhos tem presença garantida.

As redes fast fashion também não ficam para trás: a Aldo apostou na combinação do vestido de paêtes com a plataforma de glitter para sua coleção de Holidays (sim, a coleção especial para as festas de fim de ano já foi lançada, mas nas lojas somente em Novembro).

E a Topshop pega carona no shape anos 60 do sapato Mary Jane e moderniza com o brilho prateado.

No Brasil a marca Santa Lolla já produziu modelos em sua coleção de Verão que acabou de chegar nas lojas e a Zara lançou vários sapatos no estilo.

Fotos:Roberta Weber, Fashiolista, Dolce & Gabbana/Reprodução, Topshop.com, JustJared.

4 Comentários

Arquivado em Inspirações, NY, Trend alert