Arquivo da tag: Balmain

Update da tendência- “Na linha”.

listrasvuk4

A listra é possivelmente a estampa mais versártil. Pode ter apelo esportivo, glam, retrô, cool, tudo depende do contexto, da combinação de cores…

Na Vogue inglesa do mês de Dezembro, a forma mais atual de usá-la. Listras com toque esportivo no estilo old-school. Carinha vintage e referências de Wes Anderson. As duas formas de styling du jour: Em conjuntinho mesmo, com cara de uniforme de educação física ou então misturada com alguma peça mais glam, com brilho e sandália delicada.

listrasvuk2

Na Marie Claire, ela surge perfeita para quem receia que este tipo de estampa aumente Vale lembrar: No geral, listras horizontais mais finas e com fundo escuro não aumentam. Quanto mais larga e clara, mais ela tende a dar ilusão de volume. Emprestada do esporte, listras na gola e nos punhos funcionam bem em qualquer silhueta. Essa bomber é cortesia de Alessandro Michele na Gucci.

listrasmc

De um extreme ao outro, festivo e remix na padronagem:

listrasvuk

Aqui, a proposta é mais excêntrica e lúdica:

listrasusmc

Direto para o ar rocker da Saint Laurent:

listrasvuk3

Parada no look ótimo para escritório na Vogue China:

 

listravchina

Já na Interview, mais alfaiataria com ar anos 80:

listrasinterview

Fechando com o estilo clássico francês 60´s com Gigi Hadid na capa da Vogue Inglesa de Janeiro 2016:

LISTRA

Para não sair da linha…

Fotos: Reprodução.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Adaptando a tendência, Inspirações, Minimal vs. Maximal

De olho na tendência- Gargantilha.

gargantilha3

Olhando as fotos do desfile Resort da Chanel, que aconteceu na Segunda passada na Coréia do Sul, só consegui prestar atenção em uma coisa: No styling com colares bem junto ao pescoço. As famigeradas gargantilhas, típicas do século XVIII e resgatadas nos anos 90, voltam a ganhar as ruas. Desta vez, em versões democráticas.

gargantilhachanel

No Inverno apresentado em Fevereiro na NYFW, já tinha amado a versão cinto da Rodarte:

gargantilharodarte

Rosie Huntington -Whiteley completou o look Rodarte, na premiere do seu novo filme “Mad Max”,  com gargantilha dupla, super delicada, mas com efeito fundamental para sucesso da composição:

rosie

Olivier Rousteing já vem batendo nessa tecla há algum tempo em sua Balmain. As transparentes com dourado são minhas preferidas:

gargantilhabalmain

No Verão da Givenchy:

chokergivenchy

No Resort da Balmain:

gargantilhab

Nos editoriais:

gargantilha4

Nas ruas, a comprovação que elas combinam com todos estilos. Começando pelos anos 90, aliás as gargantilhas tipo tatuagem tem retorno improvável e com sucesso:

gargantilha5

Behati usa a sua com look 90´s dos pés à cabeça:

gargantilha90s

Com apelo mais étnico, é a aposta de Giovanna Battaglia:

gargantilha7

Minimal para emprestar charme ao look básico:

gargantilha8

Utilitarismo fica sexy com a gargantilha em metal:

gargantilha6

As de corrente tem uma pegada anos 80:

gargantilha9

Dourado denota riqueza e ajuda a sofisticar a camisa branca:

gargantilha2

Foco no pescoço…

Fotos: Reprodução.

Deixe um comentário

Arquivado em Acessórios, Como usar?, Minimal vs. Maximal, Street Watch, Trend alert

Favoritas- Christine Centenera.

centenera9

Inaugurando a #tag “Favoritas”, a idéia é dividir aqui quem são as pessoas que inspiram meus looks diariamente. Nesse início, mostro as musas que unem o útil ao agradável, já que além de se vestirem de forma que eu admiro, são o tipo de stylist que eu gostaria de me tornar.

A primeira só poderia ser Christine Centenera. Carine Roitfeld foi tema da minha tese e é indiscutivelmente minha maior inspiração profissional, meu amor por Carine data do fim da década de 90 e sua colaboração com Tom Ford na Gucci e YSL.

Christine chega como inspiração para aqui e agora, além de ser uma stylist e tanto ( é editora da Vogue Austrália e atua como consultora para Kanye West) tem idade mais próxima da minha e looks incrivelmente lindos. Inclusive, considero suas escolhas sartoriais uma versão jovem e bem mais ousada de Carine. Ela nem sempre me agrada com seus looks, mas é sempre um prazer observar suas escolhas.

 

centenera8

Ombros marcados e jaquetas impecavelmente cortadas fazem parte das suas composições sempre. Ela entende o poder da alfaiataria bem feita:

centenera11

Looks monocromáticos são sofisticados e permitem botas de apelo bem sexy como esta de camurça e amarrações:

cent2

Os óculos Céline são favoritos:

centenera3

A botinha com recortes e peças com assimetria também sempre aparecem:

centenera7

Proporções difíceis fazem parte do guarda-roupa corriqueiro de Centenera:

centenera4

 

Uma capacidade de aderir às tendências, sem parecer montada demais:

centenera5

Austeridade e uma cartela de tons mais neutros:

centenera6

Seus casacos são um caso a parte:

centenera2

Casacos volumosos dão o tom cool:

cent

Estampas, quando usadas, são marcantes:

cent3

Peças statement garantem um resultado de personalidade:

cenetener12

Seus sapatos sempre fogem do lugar comum. As botas Givenchy:

centenera10

Os Zanotti desenvolvidos para a coleção do Kanye:

CENTENERA13

Detalhes luxuosos também encantam e surpreendem como a capa com aplicações:

centenera

 

A jaqueta Alaia de crocodilo:

alaia

Ela tem tantos looks maravilhosos que foi difícil escolher quais colocar aqui. Estes são os que mais tem a ver comigo no momento, mas vale muito pesquisar mais sobre ela e descobrir os seus.

Fotos: Reprodução.

Deixe um comentário

Arquivado em Inspirações, Perfil

(Micro) trend alert- Seguindo a risca.

riscadegizvjapanClássico é praticamente sinônimo de atemporal, mas é inegável que certas coisas que nunca saem de moda, muitas vezes se tornam esquecidas entre tantas novidades. Dessa vez, quem volta a ganhar atenção o é a risca-de-giz.  Oriundo da alfaiataria e do guarda-roupa masculino, a estampa gráfica retorna aos holofotes com cara glam e toques de sensualidade, cara de escritório não é o apelo desejado.

Na Vogue Japão, vários looks ganharam a capa.

A Vogue Paris traz calça oversized com acabamento brilhoso:

RISCAVPARIS

 

A Interview traz a interpretação de Hedi Slimane na Saint Laurent, bem rock´n´roll:

riscainterview

 

E a Chanel, com bermuda mais chique:

riscainterview2

A 10 aposta no conjunto com modelagem setentista:

risca10

 

Listras em geral voltam a entrar na roda.

Calça skinny com listras verticais na POP:

riscapop

 

Versão Balmain com transparências:

risca10270´s mood na Bazaar australiana em look Louis Vuitton:

Harper's BazaarE na L´Officel:

riscalofficell

Em tempo: A Chanel levou a padronagem até para suas bolsas clássicas. Como mostra a loja da maison na Selfridges:

risca

Imagens: Reprodução.

1 comentário

Arquivado em Microtrend

O pre-fall 2015 da Balmain.

balmain Glamour já é uma palavra associada naturalmente à Balmain, mas o que ocorre quando Olivier Rousteing mergulha nos anos 70 é ainda mais impactante. Diferente da inspiração relax, com silhuetas mais amplas, tons claros e terrosos e denim que outros estilistas tem utilizado, na Balmain a era disco impera, sem esquecer dos excessos oitentistas que a maison vem referenciando há algum tempo.   balmain6 A cartela de cores de tons de pedras preciosas, babados combinados com peças mais secas, cintura bem marcada por cinturões e scarpin de bico fino com ponteira dão o clima. A mulher outonal da marca é extremamente sexy mesmo mostrando pouquíssima pele: balmain2 O dourado serve como fio condutor. O uso do veludo molhado, já clássico das coleções, continua: balmain3 Deixe para Olivier Rousteing  atualizar as famigeradas franjas em versão cascata, metalizadas e em canutilhos, mais rico impossível. O styling primoroso com sobreposições mil sem acrescentar volume também é inspirador: balmain7 Incorporando estampas abstratas e florais e desta forma se afastando um pouco das clássicas geométricas e do onipresente animal print, a marca oferece um update, mas sem perder sua essência: balmain4O vestido tem a silhueta Balmain, mas ganha nova cara devido à estampa alegre e a combinação com complementos brancos: balmain5 As campanhas de Verão da marca foram as minhas favoritas da temporada: balmain9   Fotos: Reprodução.

Deixe um comentário

Arquivado em Inspirações

De olho na tendência- Utilitário chic.

militarchicaporter O estilo militar serve de inspiração para moda desde os anos 70. Afinal, uniformes sempre exerceram poder de sedução. No auge da primeira década dos anos 2000, calças cargo eram super desejadas graças às coleção de Nicholas Ghesquiere na Balenciaga. Nos últimos tempos, o militarismo andava brilhando na tendência grunge, surgindo nos parkas e nos coturnos.

A versão para 2015 traz um mix mais sofisticado e sexy, perfeito para uma mulher moderna e prática. A influência passa por todas forças armadas e traz também um ar safári e náutico. O truque para atualizar as peças? Compôr com animal print (se for onça a la Balmain, melhor), apostar em silhuetas bem femininas com saias e cinturas marcadas, lembrar da cartela de cores de khaki, verde oliva, navy,  misturar com tons queimados, abusar dos botões e detalhes em dourado, optar por peças em tecidos mais nobres…

Começando com a versão da Portêr, bem sexy.

Mantendo o sex appeal, a Vogue México combina com laranja e acessórios mais artesanais:

utilitariovguemexico

Na Vogue Japão, a vibe é anos 80 com maxi cinto: militarchicvoguejapan   O navy oversized é criação de Marc Jacobs na Dazed: militarchicdazedA versão sofisticada da Céline na Marie Claire italiana, com colete alongado:militarmarieclaireitNo jeans também funciona, como comprova a pantalona Gucci na ID: militarchicdazed2 Botões dourados remetem, sem cair na obviedade: Como a saia com fenda na Vogue Ucrânia. militarchicvogueukraineFinalizando com o editorial irreverente  da Vogue Paris, utilitário 70´s em look Barbie:
militarchicvparis Fotos: Reprodução.

Deixe um comentário

Arquivado em Trend alert

#PFW- Givenchy e a (minha) melhor coleção da temporada.

giv5

Já estou preparando o post com os melhores da temporada Parisiense, mas tive que iniciar com um post exclusivo e (emocionado) para o melhor de todos: Givenchy.

Uma gladiadora em tons de marrom, preto e branco é a proposta do Verão 2015.

giv2

Todo mundo tem seus preferidos, e Riccardo Tisci sempre esteve na minha lista (de mão com Alaia, Hedi Slimane, Balmain e Isabel Marant), já há algumas temporadas andava decepcionada e pouquíssimo empolgada com a Givenchy. Infelizmente, quando a gente ama muito, as expectativas são bem maiores e as exigências também. Desta vez, ele não decepcionou. Retorna o sex appeal, com toques esportivos, religiosos e todo aquele mix de referências que Tisci sabe fazer tão bem.

giv3Pretinho básico em várias versões, que tem tudo de lindas e nada de óbvias e chatas:

giv1

Fechando com looks P&B, e aí entra aquela veia latina com transparências e babados contrapostos com shapes ajustados e o infalível couro:

giv4

Verão inspirado e inspirador…

Fotos: Vogue.com, Dazed.com.

 

Deixe um comentário

Arquivado em Fashion Week, Inspirações