Arquivo da tag: Donna Karan

De olho na tendência- Glamour relax.

r1

A temporada Resort está em pleno vapor, e como já contei , é a minha favorita de acompanhar. Adoro os looks mais acessíveis e fáceis de adaptar para todas estações. No final do post eu explico melhor estas coleções.

Observando os looks propostos, notei uma predileção pelos anos 70, suas formas mais amplas e seu glamour relax. Tons neutros, influência de esporte sofisticado, tudo bem easy e confortável. A coleção da Gucci (fotos que abrem o post) é a que melhor representa esta vibe, observem os shapes mais “largados” contrastando com os tecidos brilhosos e nobres. O efeito holográfico deve continuar e empresta um ar disco para as composições.

Na Burberry Prorsum, as saias de comprimento midi com renda e bordados, ganham equilíbrio e fogem da obviedade graças ao styling com camiseta polo mescla e cardigans compridos- Ótimos para disfarçar um quadril largo e deixar tudo harmonioso (Olhem os sapatos brancos dominando!).

bp

Marc Jacobs apresenta proposta mais ousada, na calça de paetês combinada com chinelo tipo birkenstock e suéter navy:

mj

Já Reed Krakoff aposta no sexy elegante, dando ênfase ao colo da mulher. O macacão havia sido apontado como hit na temporada Pre-fall (que eu mostrei aqui) e agora confirma seu espaço.

r2

É eleito também na coleção da BCBG Max Azria, o branco domina e inspira para os dias mais quentes. Nos frio, dá para apelar para a jaqueta perfecto decorada mas com pegada soft devido a estampa floral. Vestidos com bolsos, também estarão em alta para a noite.

R3

Rachel Roy sugere macacão black com os já mencionados bolsos e transparência nas costas.

rachelroy

Mais opções, no poá da Gucci (que eu comentei ser uma das estampas de 2013) e na renda em shape boiler adaptado por Erdem.

R4

Nos vestidos, seguindo a linha relax, o modelo chemisier ganha popularidade. Na Gucci é longo e lembra a coleção Saharienne de Yves Saint Laurent e para Michael Kors, o couro e o tom turquesa complementam:

R5

Vestido longo ganha versão meio étnica, um híbrido entre kaftan e capa em animal print, além do recorte estratégico no modelo P&B. Esqueça decotes profundos e modelagens muito ajustadas, a onda é sugerir ao invés de mostrar, com transparências sutis e recortes:

r7

A combinação de preto e dourado é um clássico noturno e também aparece na tendência glamour relax: Donna Karan no modelo de calça + vestido, assimetria vai parar até no brinco solitário. Em edição mais street na DKNY: Renda dourada e completementos mais pesados.

R6

Glamour fácil e confortável para a temporada Resort.

Explicando: O que são as coleções Pre-fall e Resort? o calendário da moda oficial costumava ter duas temporadas Outono/Inverno e Primavera/Verão, com o crescimento das lojas fast-fashion e a rapidez que as tendências chegam ao consumidor através destas lojas, internet, etc. As marcas precisaram achar maneiras de abastacer seus clientes com mais frequência.  A razão que as coleções Resort tem looks mais “invernais” é porque elas chegam nas lojas em Novembro (Inverno do hemisfério Norte), e as coleções Pre-fall chegam em Junho (auge do Verão).  As coleções normais chegam em Setembro (Inverno) e Fevereiro (Verão), e as pré-coleções ocupam a lacuna até que estas cheguem nas lojas. Vocês sabiam que as pré-coleções são as que mais vendem? Justamente por serem mais comerciais e por terem roupas adaptáveis para qualquer estação.

Fotos: Vogue.com.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Inspirações, Minimal vs. Maximal, Trend alert

Trendwatch: Queimados.

O Verão 2012 não vai se limitar a cores de algodão-doce e tons pastel. Com as temperaturas elevadas do mês de Janeiro, fica fácil imaginar tons que remetam a paisagens desérticas como amarelo e laranja queimado. O laranja já é favorito e uma versão dele chamada “Tangerine Tango”, é a cor de 2012 segundo o Pantone.

Nas passarelas da última temporada prêt-à-porter, Akris, Donna Karan, Michael Kors e Christopher Lemaire na Hermès apostaram na cartela de queimados, quebrando o romance das cores clarinhas e delicadas que a maioria das marcas apostou.

Capa da Flare de Fevereiro, Coco Rocha aparece com saia laranja queimado em versão luxuosa.

Nos editoriais de moda fresquinhos com novidades de Verão as cores também elevam as temperaturas:  vestido amarelo queimado de um ombro só na Vogue Australiana. Reparem que texturas funcionam super bem com essas cores.

Na Elle UK o amarelo queimado aparece na saia feita da onipresente renda, o editorial de capa com a atriz Dakota Fanning tem toque anos 50 e um clima ultra feminino.

Na Vogue Italiana, a inusitada versão de plástico com crochê da Dolce & Gabbana também segue a tendência:

Com inspiração literal, os estilistas buscaram uma cartela de cores bem outonal para as coleções pré-outono. Nesta versão para as temperaturas baixas, os queimados ganham um fundo mais frio remetendo as folhas amareladas típicas da estação do ano: Esportivo para Alexander Wang, anos 70 para Alice + Olivia, mod para 3.1 Phillip Lim e shape 60´s para Diane Von Furstenberg.

Até navy e referências lúdicas se adequam a cartela de cores nada óbvia, como mostra a Opening ceremony e a Moschino Cheap & Chic.

Nas ruas, muita versatilidade na hora de montar os looks. Neutros, criando um look minimalista e interessante.

Nas calças laranja queimado, a blusa navy se afasta do óbvio. Composição para inspirar já:

E no longo de influência 70´s, aliás esta cartela de cores foi muito popular nos anos 60 e 70, o look é arrematado com bolsa de estampa de cobra:

Tendência sob medida para quem não aguenta mais ouvir falar em cores de sorbet…Nem só de doce se faz uma temporada.

Fotos: Style.com, Storemags, Flare.com, FashionGoneRogue, CraveByKate, StreetPepper.

4 Comentários

Arquivado em Como usar?, Inspirações, Trend alert

Adaptando a tendência- Branco.

A cor mais clássica para a passagem de final de ano, branco que remete a paz e tranquilidade, coincidentemente é uma das favoritas na temporada atual e foi destaque em editoriais nas principais publicações de Dezembro e Janeiro. Sorte, já que no hemisfério Norte o branco não é usado no reveillon, as cores mais usadas são as escuras, como preto e também muitos brilhos e paetês.

Texturas são as apostas da temporada Verão 2012 e ganham espaço na Bazaar Espanhola e na Vogue paris, o branco é versátil e pode ser combinado com prata ou dourado. E por que não misturar emprestando um apelo rock´n´roll? O comprimento mini e a leve transparência deixam o look moderno.

O minimalismo não precisa ser chato,as edições espanholas e Inglesas da Bazaar sugerem acessórios discretos, mas certeiros, para ornar com vestido de corte minimal. Já o tomara-que-caia ganha pequenos bordados em dourado. Branco + dourado foi a combinação eleita da Balmain no Verão 2012 e está dominando.

Os longos, favoritos atualmente, aparecem na Bazaar UK com o longo decotado nas costas e na surpresa dos sapatos coloridos. E também em proposta mais sofisticada, com branco total e  foco na cintura na coleção pre-fall da Donna Karan.

Mais longos na Vogue Paris e na Espanhola. Na Vogue Paris o vestido com recorte frontal é super Halston anos 70, glamour na potência máxima. Já na Vogue Espanha, o vestido com ares de alta-costura fica mais especial com colar de pedras usado por cima da gola.

Transparências estão em alta, mas precisam ser usadas com cuidado: A idéia da Vogue alemã consiste no conjuntinho de short com blusa cropped atenuado pela jaqueta ajustada, já na Vogue Americana a saia trabalhada com transparências é combinada com a jaqueta perfecto branca

Inspirações não vão faltar! Todo mundo já escolheu o look da virada?

Fotos: Storemags, FashionGoneRogue, Vogue.com, Bazaar.co.uk.

Deixe um comentário

Arquivado em Como usar?, Inspirações, Look do dia

Resumo da semana Melissa: O glamour dos anos 40 e Melissa nos E.U.A.

O #ConexãoLondres da semana traz um pouco mais da década de 40,  perfeita representante da mulher do Outono Inverno 2011-12: Silhueta muito feminina com cinturada marcada, ombros em destaque, comprimentos elegantes e acessórios refinados com leve apelo sexy como meia-calça de poá e transparências estratégicas.

Foi inspiração para marcas como Marc Jacobs, Louis Vuitton, Miu Miu, Donna karan…Para conferir mais sobre o assunto e descobrir as Melissas que eu aposto com esta tendência, clica aqui.

A moda inspirada nos anos 40 pelas lentes de Steven Meisel na Vogue América de Setembro:

Na minha temporada em Nova Iorque, aproveitei para conhecer a equipe da Melissa de lá e fazer algumas pautas diferentes para o blog. A marca já é bem conhecida e respeitada, além de cada vez mais ganhar credibilidade no mundo da moda internacional pela tecnologia  usada nos designs e  colaborações maravilhosas, com nomes como Vivienne Westwood, Jean Paul Gaultier, Jason Wu, Gareth Pugh… Para conferir um pouco do Showroom da Melissa em NY, um espaço muito legal localizado no Chelsea e com uma equipe incrível, é só clicar aqui.

E para saber tudo do Brunch de lançamento da coleção Power of Love em Miami, dá para conferir aqui:

Fotos: Vogue.com, Roberta Weber.

1 comentário

Arquivado em Melissa, NY, Trend alert