Arquivo da tag: Elle

(Micro) Trend alert- Meia arrastão.

ARRASTÃO

Começou observando duas amigas que trabalham com moda em Londres, em um intervalo de poucos dias, encontrei ambas usando jeans cropped, sapato de salto e meia arrastão.

Entrei em uma banca e me deparei com Alexa Chung, na capa da Glamour inglesa, e lá estava a meia novamente:

ARRASTÃO2

Hoje olhando a V magazine com Charlize Theron, e me vendo mais uma vez as meias, decidi que era tema para um post:

ARRASTÃOVMAGAZINE

Fã de Rodarte que eu sou, lembrei que no desfile de Inverno elas complementavam o styling:

ARRASTÃORODARTE2

No detalhe:

ARRASTÃORODARTE

Editorial da Elle americana de Maio 2016 também confirma:

ARRASTÃOELLEUS

Na prática, com arrastão no estilo soquete:

ARRASTÃOST2

Com looks nada óbvios:

ARRASTÃOSTREET

Net-a-porter ajuda, este jeito é bem similar com o que observei nas ruas londrinas.

arrastão0

Vocês curtem?

Fotos: Reprodução.

4 Comentários

Arquivado em Microtrend

Vontade do dia- Listras.

Há algumas temporadas, a Prada lançou sua coleção barroca pop, com listras horizontais coloridas que viraram febre, lembram? Até rolou post aqui no site ensinando a usar “Adaptando a tendência- Listras”. Depois da overdose, elas retornam clássicas e também com efeito modernoso, como eu já havia comentado neste post “Resort 2013- O que vem por aí e o que não vai a lugar nenhum”. Marca registrada do estilo Francês e uma estampa que jamais sai de moda, para  Verão 2013, os estilistas trazem várias (novas) interpretações.

Marc Jacobs possui poder só similar a Miuccia Prada na hora de ditar o que vai dominar a indústria da moda, em seu desfile de Verão 2013 surpreendeu: A pegada 60´s e os looks usáveis e gráficos fugiram das suas últimas apresentações, mais conceituais, listras comandaram:

Oscar de la Renta sugere um vestido de gala combinado com maxi colar de flores, as listras emprestam um estilo preppy:

Derek Lam também apostou na estampa gráfica para sua linha secundária, a 10 Crosby Derek Lam , particularmente adorei a proposta da coleção:

Em várias padronagens, elas reinaram absolutas em Londres: Christopher Raeburn, Unique, Acne e Jonathan Saunders,  referências esportivas tem tudo a ver com a padronagem:

Na Revista Elle do mês, duas versões, em apelo sofisticado:

E mais clean, reparem que as listras favoritas são em P&B e alternam entre vertical e horizontal:

Na Vogue Russa, a mistura de estampas e o toque masculino tornam tudo mais interessante:

Nas ruas elas já andam populares há alguns meses, com destaque para as calças. Agora é uma boa hora para renovar o look com as camisetas listradas, todo mundo tem uma…Misturada com xadrez fica charmoso:

A saia promete virar hit, aqui clicada pelo site Stockholm Street Style:

A peça que me deixou com mais vontade foi esse moletom anos 80, mais um flagra durante a London Fashion Week. A influência dos anos 80 desde a última temporada trouxe de volta o amado e confortável moletom:

Quem sentiu falta de cor, pode sempre contar com Dolce & Gabbana, que traz a estampa em várias tons vibrantes para um Verão 50´s e alegre:

Fotos: Style.com, Vogue.com, ElleUS, TommyTon, StockholmStreetStyle.

8 Comentários

Arquivado em Inspirações, NY, Trend alert, Vontade do dia

Yellow asset- Detalhes em amarelo.

Presente nas últimas temporadas prêt-à-porter de Inverno e Verão, promete ser dominante na cartela de cores das lojas em 2012. Pensando nisso, editei algumas imagens, e de quebra, dicas bem legais para compor looks com o tom.

Confesso que não considero uma cor fácil de usar, prefiro usá-la para dar pontos de cor no look, fazer alguma combinação inusitada, ou para ousar através dos acessórios. Hoje vou fazer o styling de um editorial onde o amarelo será uma das cores predominantes, em breve vocês poderão conferir o resultado aqui no site (E me contar se aprovaram o meu styling).

Na Elle Americana de Dezembro, uma aula em como deixar uma produção preta mais interessante: Batom com cor e um sapato como ponto de luz. O scarpin amarelo foi o complemento perfeito neste caso, quebrando o estilo lady-like da composição.

Direto dos sites de street style, um look de combinação pouco óbvia, mas que funciona: Preto, amarelo e marrom.

Na capa da última Vogue Japão, sugestão para look festa: O vestido de renda preta Bottega Veneta ganha forro amarelo em tom de pedra preciosa. Com a popularidade dos tecidos transparentes, optar por um forro em tom vivo é ótima maneira de atualizar os vestidos de renda que já temos- Neon para opções  mais modernas, pedras preciosas para resultado mais luxuoso. Neste exemplo, além do forro, os acessórios poderosos e a clutch laranja garantem um acabamento impecável.

Há tempos que os chapéus viraram itens de desejo no hemisfério Norte. Aqui no Brasil, aos poucos, este modismo ganha (merecido) espaço, sai da beira da praia para ganhar status de must-have. Aqui a menina alegra um look básico com o acessório em tom mostarda. Fez toda a diferença no resultado final, concordam?

Na Dazed & Confused, o vestido Versace ganha graça com os detalhes em amarelo. Outra ótima idéia? A combinação de amarelo e roxo, uma maneira de brincar com as cores sem cair na repetição.

Mais uma inspiração da Dazed, desta vez a opção é pelo sapato Miu Miu amarelo mostarda, o tom de amarelo favorito para o próximo Inverno. Tons pastel + amarelo, outra idéia incrível para testar:

Ok, admito que nesta foto da Vogue Russa a pantalona não é exatamente amarela, e sim um tom entre a cor e o verde, também não é apenas um detalhe, e sim o ponto forte do look.De qualquer maneira, não poderia deixar de postar esta inspiração incrível: Pantalona de cintura alta em tom cítrico, cinto de cobra, maxi clutch e blusa cropped. Reparem que apesar do estômago de fora a proporção é assegurada pela manga longa e pela cintura alta. Um dos melhores stylings que vi nos últimos tempos, sofisticado, com informação de moda… Vontade de sair vestida assim já!

Fotos: Style.com, StoreMags, FashionGoneRogue, Elle.com, Jak&Jill, StreetPepper, Dazed.com.

2 Comentários

Arquivado em Como usar?, Inspirações, Look do dia

O azul do momento.

As cores vivas continuam em alta. No momento, o amarelo e o laranja são os queridinhos. Os tons de verde surgem como opção forte, além do roxo que garante o posto da cor do próximo Outono. Entre tantas opções, um azul também é favorito, mas não é o turquesa, nem bic, nem celeste, e sim o… Azul petróleo! Pouco óbvio, lindo e fácil de combinar promete aparecer muito nos próximos meses.

Apesar de ter azul no nome, é um tom entre azul e verde, perfeito para colorblocking invernal e fica muito bem com tons como roxo, mostarda, grená, assim como misturado com outros tons de azul. Outra dica é apostar nas cores vibrantes do Verão como o laranja, pink, verde água,  turquesa e usar o azul para amenizar as combinações. Com caramelo ou camelo cria look de sofisticação máxima, além de cair super bem em estampas como paisley e tartan.

A cor aparece em looks clássicos das coleções Resort 2012 Elie Saab e Mario Schwab.

Em mais duas versões lady -like na Vogue América de Novembro:

Nos acessórios, emprestam um toque especial aos looks, como neste  maximalista da Vogue Nippon:

Mais acessórios no tom nas vitrines da Gucci e da Chanel:

Um dos sapatos mais incríveis criados para o Verão 2012, por Alexander Wang, chega em versão azul petróleo:

A cobiçada bolsa Marcie, da Chloé, aparece disponível na cor para o Inverno atual do hemisfério Norte:

O chapéu azul petróleo da Gucci, em editorial da Vogue Espanha de Novembro, completa perfeitamente o look de inspirações anos 70. Destaque para a combinação de cores e mistura de texturas:

Combinado com estampas, também típicas da década de 70, na vitrine da loja Diane Von Furstenberg no Meatpacking:

O desfile da Verão 2012 da Burberry Prorsum foi um dos mais elogiados da temporada e contava com uma cartela de cores fantástica, este look é ótima inspiração para combinar a cor, que também orna muito bem com vinho e azul navy.

Outra maneira legal de usar a cor é misturada com brilhos ou metálicos, parece inusitado, mas funciona. Só olhar para os exemplos abaixo: no anel “artsy” da YSL e no lenço de motivos eqüestres da Wash.

Guardei o melhor para o final: A cor aparece no blazer de efeito brilhoso nas páginas da revista Elle combinado com prata. Polêmico, mas eu amei o resultado.

E no vestido de paetês da Dolce & Gabbana nas páginas da Vogue Alemã:

Fotos: Style.com, Elle.com, RobertaWeber, FashionGoneRogue, Net-a-porter,

1 comentário

Arquivado em Acessórios, Como usar?, Fashion Week, Inspirações, NY, Trend alert

O “maximalismo” da temporada.

Ontem mencionei a palavra maximalismo no post sobre brilhos.  O termo é usado nas artes, música, literatura…Na moda representa a máxima “mais é mais”: Luxo, excesso, opulência. Na temporada de Inverno a tendência aparece em versão mais refinada, materias como plumas, peles coloridas, paêtes gigantes são utilizados para traduzir a idéia.

Normalmente as décadas do momento são em ciclos de 20 anos, esse revival dos anos 90 como minimalismo, grunge, super confirma a tese. No Inverno temos os anos 40, 60 e 70 como foco. Também é normal, depois de um certo tempo, ir para o lado oposto do que andamos vendo. O minimalismo que voltou à tona pelas mãos de Francisco Costa na Calvin Klein collection, Phoebe Philo na Celine e Raf Simons na Jil Sander (mas que continua com muita força), refletia o momento atual, com a crise econômica e recessão que ocorreu em 2008. Com uma onde de otimismo que surgiu, a resposta também veio pela moda, sai os anos 90 e seu clima mínimo e “heroin chic” e entra o maximalismo: da calça skinny às flares e pantalonas, dos saltos médios às plataformas gigantes, muitos brilhos (como mostrei no post de ontem), o color blocking, a mistura de estampas, os acessórios oversized.

Alguns exemplos das passarelas de Outono/Invern0 11-12:Versace, McQueen, Balenciaga e Emilio Pucci.

Para a noite, Marc Jacobs e Prada propôem os paêtes em versão extra grande e garantem o clima do momento:

Nas revistas do hemisfério Norte que os primeiro editoriais da temporada Invernal é um dos conceitos mais marcantes.

Em vestidos fluídos e esvoaçantes na Harpers Bazaar Americana de Setembro:

Na Elle Americana de Setembro: Estampas graúdas e formas amplas, sem contar nas sobreposições e silhuetas aumentadas (o look florido é da  normalmente minimalista Jil Sander).

A versão Inglesa da Elle posta nas plumas coloridas da D&G e no look mais rocker com calça metalizada, pele e sobreposições:

Dá para “maximizar” o look através de detalhes, na Vogue Itália de Setembro a tendência aparece no volume setentista dos cabelos das modelos, já na Bazaar Inglesa o a produção minimalista ganha bracelete maxi, bem marcante.

Exemplo mais do que extremo de mulher maximalista: A diretora criativa da Vogue Nippon Anna Dello Russo:

Com espaço para os dois lados, a moda do momento não permite meio-termo: Minimalista vs. Maximalista, as mulheres da temporada parecem se dividir entre os dois grupos. Qual é o seu?

Fotos: style.com,

11 Comentários

Arquivado em Inspirações, Trend alert