Arquivo da tag: Gucci

(Micro) Trend alert- A reconquista da plataforma.

plmj2

Passeando pelo meu feed do instagram, me deparo com a foto acima postada por @carineroitfeld (musa oficial deste site e desta pessoa que vos escreve). O clique é das botas da coleção Resort 2017 de Marc Jacobs.

Aqui elas no desfile:

plmjacobs

Desde seu Verão passado, Marc tem apostado nas botas estilo glam rock ou Spice Girls, a referência muda dependendo da sua idade. No Inverno ele repetiu a dose e agora as abraça definitivamente para a pré-primavera.

Olha o modelo invernal de Marc:

plmarcjacobs

Quem resgatou esta moda foi o coletivo francês Vetements, o mais incensado e polêmico do momento. O início foi em versão rock´n´roll com labaredas e outra de estrelas. A princípio um lançamento bem nicho e uma possível homenagem à David Bowie em sua fase Ziggy Stardust:

plvet

O que ninguém previu foi a onda avassaladora que a marca causou na moda, derrubando fronteiras e ganhando selo de aprovação e desejo de praticamente todos da indústria.

Com esta força e no embalo, versões nada discretas seguiram, passando por metalizados e a favorita, amarela:

plvett

M.I.A garantiu a sua:

plmia

Mais uma para não deixar dúvidas da versatilidade:

plvetements

Deveria ter suspeitado do potencial, quando Anna Wintour decidiu fazer um makeover de modernidade em Taylor Swift para Vogue America. A popstar ganhou ares cool com cabelo platinado e muito Saint Laurent e Vetements. Nos pés? A própria, ela mesma!

pltay2

pltay

Em Março, o diretor criativo da Balenciaga, Demna Gvasalia (head designer da Vetements) carregou o modelo para sua coleção de estréia na maison:

bal

Os sapatos pesados em geral passam por um momento de destaque, como comprovam Givenchy, no Resort 2017 lançado hoje:

plgivenchy

E Gucci (vale prestar atenção nos cadarços e na bota com salto anabela ou flatform beeeeem altos). Negue agora seu passado Baby Spice ou Scary Spice e ouse dizer que não desejou alguma bem parecida nos anos 90:

plgucci

Pelo direito de usar o “estranho” e fugir do óbvio, se divertir e permitir ousar com proporções diferentes. Vale experimentar shapes e idéias que há não muito tempo jamais pensaríamos. A moda é auto-expressão. Divirta-se descobrindo ou resgatando sua personalidade. De repente do alto de uma plataforma. Why not?

Fotos: Reprodução.

Deixe um comentário

Arquivado em Como usar?, Inspirações, Microtrend, Minimal vs. Maximal

(Micro) Trend alert- Meia arrastão.

ARRASTÃO

Começou observando duas amigas que trabalham com moda em Londres, em um intervalo de poucos dias, encontrei ambas usando jeans cropped, sapato de salto e meia arrastão.

Entrei em uma banca e me deparei com Alexa Chung, na capa da Glamour inglesa, e lá estava a meia novamente:

ARRASTÃO2

Hoje olhando a V magazine com Charlize Theron, e me vendo mais uma vez as meias, decidi que era tema para um post:

ARRASTÃOVMAGAZINE

Fã de Rodarte que eu sou, lembrei que no desfile de Inverno elas complementavam o styling:

ARRASTÃORODARTE2

No detalhe:

ARRASTÃORODARTE

Editorial da Elle americana de Maio 2016 também confirma:

ARRASTÃOELLEUS

Na prática, com arrastão no estilo soquete:

ARRASTÃOST2

Com looks nada óbvios:

ARRASTÃOSTREET

Net-a-porter ajuda, este jeito é bem similar com o que observei nas ruas londrinas.

arrastão0

Vocês curtem?

Fotos: Reprodução.

4 Comentários

Arquivado em Microtrend

Update da tendência- “Na linha”.

listrasvuk4

A listra é possivelmente a estampa mais versártil. Pode ter apelo esportivo, glam, retrô, cool, tudo depende do contexto, da combinação de cores…

Na Vogue inglesa do mês de Dezembro, a forma mais atual de usá-la. Listras com toque esportivo no estilo old-school. Carinha vintage e referências de Wes Anderson. As duas formas de styling du jour: Em conjuntinho mesmo, com cara de uniforme de educação física ou então misturada com alguma peça mais glam, com brilho e sandália delicada.

listrasvuk2

Na Marie Claire, ela surge perfeita para quem receia que este tipo de estampa aumente Vale lembrar: No geral, listras horizontais mais finas e com fundo escuro não aumentam. Quanto mais larga e clara, mais ela tende a dar ilusão de volume. Emprestada do esporte, listras na gola e nos punhos funcionam bem em qualquer silhueta. Essa bomber é cortesia de Alessandro Michele na Gucci.

listrasmc

De um extreme ao outro, festivo e remix na padronagem:

listrasvuk

Aqui, a proposta é mais excêntrica e lúdica:

listrasusmc

Direto para o ar rocker da Saint Laurent:

listrasvuk3

Parada no look ótimo para escritório na Vogue China:

 

listravchina

Já na Interview, mais alfaiataria com ar anos 80:

listrasinterview

Fechando com o estilo clássico francês 60´s com Gigi Hadid na capa da Vogue Inglesa de Janeiro 2016:

LISTRA

Para não sair da linha…

Fotos: Reprodução.

 

Deixe um comentário

Arquivado em Adaptando a tendência, Inspirações, Minimal vs. Maximal

Trend watch- Manga maxi.

manga4

Faz tempo que a moda oversized anda em alta, e os estilistas decidiram ir buscar nos anos 80 a inspiração para transformar mais um detalhe em XXL. Seja pelo volume ou pelo comprimento (ou por ambos).

Nas passarelas, Céline (Phoebe Philo, sempre ela) foi a mais celebrada ao trazer a opção da manga sino e longa:

mangaceline

J.W Anderson, Marques Almeida e Vetêments também apostaram na última temporada de Outono/Inverno. Pelos nomes que apoiam a “causa” dá para ver que a tendência é super cool.

mangat

Musa fashion número 2 (ela sempre ficará em desvantagem na comparação com Carine), Christine Centenera elegeu o vestido minimal para experimentar. Confesso que essa manga branca me dá agonia, imagina quão fácil de lidar? (SQN).

manga9

A manga tipo sino em outro branquinho básico:

manga12

Vocês podem argumentar, com razão, que esta tendência não é nada prática, mas dá para pensar que protege bem do frio. Otimismo sempre!

manga7

Na camisa branca:

manga14

Três versões:

manga16

Criar o efeito, sem o desastre em potencial? Que tal a manga alongada, mas com recorte?

manga2

A fenda permite movimentos sem atrapalhar e correr o risco de sujar.

fenda

Dá também para dobrar:

MANGA17

Ou com sobreposição:

manga1

Para finalizar, as coleções de Verão 2016 confirmam o lugar de destaque das mangas, notem que agora elas surgem em versões mais ajustadas: J.W Anderson, Gucci, Céline e Vetements:

ss

Com charme, mas sem muita pratiidade. Vocês curtem?

Fotos: Reprodução.

Deixe um comentário

Arquivado em Como usar?, Inspirações, Minimal vs. Maximal, Trend alert

A nova cara das (velhas) marcas.

gucci3 Duas das principais e mais sexy marcas italianas estão passando por um momento de atualização. Sai a moda baseada em fendas e sex appeal, entra um estilo mais cool e intelectual. Na onda da Valentino, que antes era famosa pelas peças couture e seu vermelho e hoje em dia tem sua fama baseada nas narrativas lúdicas com detalhes folk e direção impecável de Maria Grazia Chiuri e Pier Paolo Piccioli. Confesso que minha primeira impressão da nova Gucci por Alessandro Michele não foi das melhores. Não amei o desfile de Inverno da marca, primeiro sob a tutela de Michele. Mas me apaixonei pelas novas campanhas, com mood perfeitamente traduzido na direção de arte e nas fotos de Glen Luchford. O styling da passarela, meio “Advanced style” e com muita informação, desvalorizou os looks. Já na campanha, o belo corte e a forte presença dos acessórios elevou as peças. A Gucci teve sucesso comercial absurdo na última coleção de Frida Gianini, resta ver o que acontecerá com Michele. Ecos de Louis Vuitton com a liderança de Ghesquiere: gucci6   Prada também surge como referência: gucci2 A campanha incrível foi fotografada por Glen Luchford e empresta à grife um novo ar, bem mais interessante: gucci Acessórios reornam ao foco: gucci5 Já a Pucci, ainda em processo embrionário, com a saída do Peter Dundas (amor eterno) para Cavalli, entra a visão de Massimo Giorgetti, oriundo da MSGM. Em sua marca, ele é conhecido pelas estampas e pelo estilo irreverente. Sai o sexy de Dundas e entra uma leitura mais normcore do passado colorido e estampado da Pucci. Giorgetti vai se dividir entre sua marca e a Pucci e promete emprestar um lado mais inusitado e ótimas produções para street style:pucci3 Estampas sim, mas com lembrança de Marni e muito pouco da sensualidade e influência rock´n´roll do legado de Dundas: pucci Franjas incríveis no casaco: pucci2 Cartela de cores fixada nos amarelos, laranjas, fuchsia e neutros. Comprimentos crescem e os saltos diminuem, uma influência masculina mais clássica também pode ser observada: pucci4 Preferem a versão antes ou depois? Fotos: Reprodução.

Deixe um comentário

Arquivado em Perfil, Update das tendências

De olho na tendência- Camurça.

camurçaflair

Anos 70 são a atual década fetiche da moda e quando falamos neles, tem um tecido que é onipresente: A camurça. O material tem a capacidade de casar perfeitamente com várias tendências, do militar ao disco, passando pelo boho e western. Vem descobrir a versatilidade e as versões favoritas para esta temporada.

Cat McNeil na Flair, dom colete em camurça e acessórios trançados com apelo handmade.

Tons terrosos e queimados são os favoritos para as peças: O look pode ser bem jovem como ilustrado na Teen Vogue, as franjas emprestam um ar faroeste à composição:

CAMURÇATEENVOGUE

Remetendo à moda festival como na Vogue russa com kimono de franjas no material:

camurçavoguerussia

Comprimentos mínimos são eleitos pela L´Officel, observem como a camurça funciona bem com materiais delicados:


camurçalofficel

Macacão aparece para todos os estilos e gostos, aqui em tom candy, mais uma vez na Vogue russa:

CAMURÇAVOGUERUSSA2

Gisele na capa da Vogue UK de março, estilo safari:

camurçavuk

Adulta e elegante na Vogue Espanha combinada com pele e em saia midi:

camurçavoguespain

Frida Gianini foi uma das principais responsáveis pelo clima setentista do Verão 2015, ironicamente com sua derradeira coleção para Gucci (esse mês tivemos a estréia de Alessandro Michele na marca durante a MFW), ela criou peças hit em camurça que se tornaram favoritas das publicações internacionais.

Aqui o trench coat na Bazaar Russa:

camurçabazaarrussia

 

Na Wonderland:

camurçawonderlandE na Pop. Vale ressaltar que acessórios dourados são aposta impecável para combinar com o material em tom cru:

camurçapop

Para investir (ou tirar do armário) já…

Fotos: Reprodução.

Deixe um comentário

Arquivado em Inspirações, Trend alert

#MFW- Drops Verão 2014/15.

mfw5

Chegou ao fim a Milan Fashion Week e já vim aqui mostrar para vocês os meus favoritos. Anos 70, romantismo, estampas e muito jeans, além de influências sportswear e toque oriental comandam a temporada. Abrindo com a Pucci de Peter Dundas, minha favorita, a delicadeza dos bordados me encantou.

Mantendo o clima étnico e Woodstock, veio a Etro, bem fiel ao seu DNA:

mfw10

Os vestidos maxi da Roberto Cavalli, dos estampados aos artesanais com renda:

mfw6

A Gucci apresentou uma mulher funcional, cheia de ícones da marca (cartela de cores, camurça, estampas) e com anos 70 reinando. Destaque para a cintura marcada:

mfw

A Prada seguiu no caminho do jeans e trouxe sportswear nada óbvio para sua mulher intelectual. Adorei os brocados e a mistura de denim com renda:

mfw8A Fendi também buscou inspiração no sporstwear e apostou no jeans, com resultados incríveis. O trabalho em couro também merece ser mencionado:

mfw7

Cartela de cores e styling top na Bally, confirmando a permanência do visual listrado:

mfw11

Sofisticação clean na Ferragamo. Tecidos com efeito metalizado e a estampa de cobra (nem sinal da onça) auxiliam:

mfw4

Marco de Vincenzo ganhou post aqui no site, na tag “Nome para guardar- Marco de Vincenzo”, gostei muito dos tons de blush e dos looks franjados:

mfw2

Etéreas e me remetendo ao filme “As virgens suicidas”, a mulher da Alberta Ferreti traz um verão leve, leve, leve:

mfw3

Fechando com as espanholas da Dolce & Gabbana, a mulher siciliana da dupla nunca sai de cena, mas desta vez elas vem influenciadas pela cultura hispânica:

mfw9

Já de olho no quem vem por aí em Paris…

Fotos: Vogue.com.

 

Deixe um comentário

Arquivado em Fashion Week, Trend alert