Arquivo da tag: Mary Katrantzou

(Micro) Trend watch- Bomber bordada.

bomberchloe

Durante a temporada Resort que acabou de acontecer, um modelo de jaqueta se destacou acima dos outros: O bomber. Com referências esportivas, ele se encaixa perfeitamente no look cool  proposto por várias marcas. O que chamou atenção, foi que os exemplos mais lindos eram bordados. O modelo que abre o post, aliás com ótimo styling de camisa animal print e jaqueta adornada com leopardos, é da coleção da Chloé.

Quando penso em bomber bordada na hora lembro do icônico figurino de Ryan Gosling no filme Drive:

bomberdriveNessa onda, Mary Katrantzou deixou sua contribuição para a tendência em sua nova colaboração com a Adidas:

bomberadidasmary

Stella McCartney também criou a sua. Reparem que flores são a padrongem favorita para complementar o look:

bomberstella

 

Na Valentino, a bomber é alongada:

valentino

Giambattista Valli investiu no modelo em couro com motivos florais (again) no mix com estampas geométricas:

bombergiamba

Em tempo: Na Alexander McQueen, sai a bomber e entra a perfecto. Mas claro, as flores continuam e o styling é com vestido longo de festa:

bombervalentinoPara minha surpresa, nos desfiles de alta-costura ocorrendo esta semana, tivemos exemplos de jaquetas bordadas adornando os vestidos longos. Na Schiaparelli, com coração discreto enfeitando:

schiaparellibomber

e Giambattista Valli que caprichou nas flores 3d da composição:

giambabomber

 

Vão aderir à essa micro trend? Uma bela sugestão é aproveitar aquela jaqueta com corte ótimo que anda esquecida no armário e atualizá-la com um bordado. Que tal?

Fotos: Reprodução.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Fashion Week, Inspirações, Microtrend

#LFW e #MFW- Favoritos Inverno 2015/16.

lfw2

O mês da moda chegou ao fim hoje em Paris, e já que demorei para trazer o resumo de Londres e Milão, optei por juntar as duas cidades e mostrar para vocês os meus favoritos de uma vez só.

Em Londres, azul petróleo e referências folk ganharam força, veludo molhado também aparece como protagonista , assim como na NYFW. Xadrez em variadas versões, geométricos e florais soturnos complementam o mood boêmio chic.

Anos 70 voltaram para ficar um tempo, pelo menos Christopher Bailey na Burberry Prorsum acredita nisso.  Os icônicos trench coats vieram em versão camurça e com detalhes franjados, capas e ponchos completam o figurino que parece ter saído direto de alguma banda folk . Botas estampadas surgiram no pre-fall da Valentino e da Pucci e agora ganham ainda mais destaque devido à Burberry. Para ficar de olho!

lburberry

Antonio Berardi  teve um desfile irregular, boas tentativas de hi-lo misturando barroco com esportivo. Toques orientais e referências origami complementaram. Legal se inspirar na mistura de peças de alta festa combinadas com outras sporty:

antonio

Lucas Nascimento representou muito bem o Brasil. Definitivamente indo além da sua marca registrada, o tricô, ele apresentou uma coleção confiante e com ótimo styling. Adorei as peças em couro marrom:

lllucasnascimento

Mary Katrantzou me remeteu à Prada nos melhores momentos do desfile, certo glamour intelectual e old school, cartela de cores discretas e muitas texturas interessantes

lmary

Mulberry cada vez mais tem me feito pensar na garota da “Chloé” com sua nonchalance nostálgica e minimalista, mas com forte apelo britânico. Deu para observar a volta do sapato combinado com bolsa, presente em Milão e em Londres:

lmulberry

Simone Rocha com um folclórico sombrio, cartela de cores reduzida à preto, off white e vermelho e uso de matérias brocados e veludo molhado. Atmosférico e cool:

lsimone

Thomas Tait Ganhou lugar aqui exclusivamente pelas jaquetas oversized, com referência anos 80, achei a coleção inteira incrível. Nome para guardar:

LTHOMAS

Topshop Unique optou pelo simples, mas me ganhou nos looks anos 70, um pouco disco e um pouco folk. O blazer bordado da primeiro foto certamente será best-seller:

ltopshop

Roxo e tons de pedras preciosas chamaram atenção em Milão, alfaiataria e um guarda-roupa pensado para mulher contemporânea, com ótimos separates e looks com calça foram destaque. Uma moda prática, utilitária e adulta.

Karl Lagerfeld realizou meu desfile favorito da semana milanesa na Fendi. Tons terrosos, muito couro e comprimentos mais curtos com influência 60´s:

lfendi

A cartela de cores da Bally e as ótimas referências de styling para ambiente profissional:

lbally

Em sua derradeira coleção para Pucci, Peter Dundas urbanizou ainda mais a mulher sexy da marca. A década de 70 continua sendo ponto de partida, mas o esporte avança nas peças em influência discreta.

lpucci

Etro e o multiculturalismo com requinte, a cartela de tons neutros complementada por bronze e dourado foi minha favorita:

letro

Salvatore Ferragamo impossivelmente chique: Comprimentos midi, ombros bem estruturados e cintura marcada:

lsal

Já já eu volto para comentar Paris.

Fotos: Reprodução.

Deixe um comentário

Arquivado em Sem categoria

#LFW- Favoritos Inverno 2014/15.

Burberry Prorsum Catwalk - London Fashion Week 2014

Segue o baile chegando na segunda parada da temporada internacional: Londres. Para quem não conferiu, logo abaixo dessa postagem tem os meus favoritos da NYFW.

Assim como na semana nova-iorquina, a cartela de cores também priorizou o azul e suas variações, o fuchsia e tons cítricos em especial amarelo e laranja.  Entre os neutros, preto, camelo e cinza foram os eleitos. Ao contrário do cetim e tecidos de acabamento brilhoso de NY, na Inglaterra o veludo molhado recebeu mais atenção, assim como paetês.

As estampas já se tornaram especialidade da nova safra de designers londrinos, para o Inverno florais e abstratos surgiram com frequênia. Como mostraram Peter Pilotto, Michael Van Der Ham, Marques Almeida e Erdem:

print

As bolsas de Anya Hindmarch são hit há muitos anos na Inglaterra, Sienna Miller usa direto assim como Olivia Palermo, em seu desfile de acessórios me apaixonei pelos modelos listrados com tassels oversized. Observem os tons cítricos quebrando a cartela de neutros:

anya

A gaúcha Barbara Casasola continua se firmando como um grande nome para observar. Sua proposta para o Inverno 2014 é fiel ao estilo austero e sofisticado de suas coleções passadas, mas ganha detalhes mais interessantes como a cartela de cores e styling impecável. Uma mulher elegante e com toques de sensualidade:

barbara

Simone Rocha já ganhou post aqui no site “Nome para guardar- Simone Rocha”  e cada vez mais confirma seu status de promessa da moda. Volumes estratégicos, um certo ar couture misturado com o street que ela faz tão bem, adorei as peças em estampa de cobra e os looks pretos texturizados. Reparem novamente no styling com vestidos lady-like combinados com sapatos masculinos:

simone

David Koma, mais um talento direto da Saint Martins, acaba de assumir como diretor criativo da Thierry Mugler. A veia 80´s pode ser identificada também em uma certa influência aos vestidos estruturados e mega femininos de Azzedine Alaia:

david

Seguindo na mesma linha, Antonio Berardi cria para uma mulher autoconfiante. Os sapatos feitos por Rupert Sanderson também chamaram atenção e emprestaram um ar fetiche às composições:

antonio

A mulher cool e nada óbvia da Joseph:

joseph

Adoro a acessibilidade da Unique, marca premium da Topshop, as peças são apresentadas com styling bem “vida real” e traduzem diretamente os conceitos que vão permear a estação. Fiquei encantada com as botas acima do joelho em camurça (pelo visto serão os modelos mais relevantes do próximo Inverno):

unique

Meus favoritos foram os vestidos de Mary Katrantzou, que abriu mão da estamparia digital para investir em uma certa influência folclórica e em um trabalho primoroso:

mary

O desfile da Burberry Prorsum é sempre o mais prestigiado. Os acessórios e lenços com aspectos de pintados à mão, artsy e bohemian ao mesmo tempo, criaram uma imagem romântica. O mix de texturas também foi primoroso:

bur2

Mas comercialmente, a grande sacada da marca foi apostar nas mantas, pesadas e em cartela de cores outonais,  que fecharam o desfile. Elas poderão ser customizadas e despertaram desejo imediato. Vale lembrar que com a democratização da moda, cada vez mais o exclusivo ganha espaço e a customização tem sido uma arma poderosa para manter o interesse dos clientes.

lenço

E Milão já começou, no finde eu volto para dividir com vocês o melhor da temporada Italiana.

Fotos: Vogue.com.

Deixe um comentário

Arquivado em Fashion Week, Londres

De olho na tendência- Florais reinventados.

printmary

Olhando novamente as coleções Resort 2013, acabei me apaixonando pelas criações de Mary Katrantzou, conhecida por suas estampas digitalizadas e criativas. Nesta temporada uma mescla de paisagens bem urbanas se misturam com referências da natureza. A estilista foge do efeito espelhado que a tornou famosa para um mix bem mais interessante.

A cartela de cores e os shapes das peças, sua maioria mais elaborada por detalhes como fendas e assimetrias, também merecem destaque:

print

Os designers da cena de moda Londrina como Mary não tem o menor medo de experimentar com padronagens e quase sempre conseguem um resultado alegre e moderno. A escolha de tons também surpreende.  Michael Van der Ham investiu no estilo mais 60´s e cores mais fortes:

printmichael

Roksanda Ilincic com sua mulher impossivelmente elegante aposta nas flores cortadas em efeito 3D. A cara mais contemporânea é garantida pelo cinto metálico e pelos sapatos com toque neon:

printroksanda

O canadense Erdem já é o rei da renda e não desaponta. Calças e vestidos com renda e estampas de flores e plantas ganham ar fresh com detalhes transparentes. Até a jaqueta de couro leva bordados florais:

printerdem printerdem2

Falando em transparências, a Marie Claire UK mostra vestido incrível da Rodarte com flores aplicadas no tule e estampa levemente étnica:

printrodartemclaire

Já o modelo Pucci segue a padronagem icônica da marca que ganha update em crochê com motivos florais em tons de azul:

printpucci

Atualizando os looks para primavera.

Fotos: Vogue.com, Zinio.com.

Deixe um comentário

Arquivado em Inspirações, Minimal vs. Maximal

#NYFW- O tipo de estampa da vez.

A temporada Outono/Inverno internacional acaba de começar:  a #NYFW já está na metade e com ela, mais inspirações para os dias frios.

A tendência mais forte até agora é o militarismo, lembram desse post “Analisando (um pouco) Resort 2012- O que vem por aí…”? Nele eu comentei a volta da tendência militar, o efeito não apareceu nas coleções de Verão e só chega agora às passarelas.

Fendas em saias lápis, couro, cintura marcada, tons terrosos e vermelho em todas suas variações, do grená ao bordô,  também aparecem consistentemente. Os metalizados continuam, variando entre o cobre e o dourado. Nos pés, botas acima do joelho são apostas.

Das novidades, uma das mais relevantes parece ser estampas de tapeçaria, apareceram timidamente nas coleções Pre-fall e agora se consagram nas passarelas de NY em desfiles como Rag & Bone, Jason Wu e Altuzarra. Brocados também permanecem como favoritos.

Tapeçaria clássica na Rag & Bone em look conjuntinho e na Rebecca Taylor, desta vez brincando com volumes e leve apelo grunge:

Até o convite da Rag & Bone, que traduzia o mood da coleção, ganhou estampa do tipo (foto BarneysNY):

Vestidos sofisticados também foram ilustrados com a estampa: Patchwork para Peter Som e inspiração oriental em veludo para Jason Wu, reparem que o comprimento na altura dos joelhos segue marcando presença.

Finalizando, Rachel Zoe e Nicole Miller também optaram pelo tipo de padronagem típica dos anos 70: Glamour na passarela de Zoe e folk para Miller.

Ainda falando na NYFW, meu desfile favorito até agora foi o de Joseph Altuzarra: Misturando peças militares com inspirações ciganas do leste Europeu. A coleção, teve a dose certa de informação de moda em peças super usáveis que despertam desejo imediato. Destaque para os casacos e acessórios, em especial os cintos e as botas de cano longo.

UPDATE: Se no Inverno a tapeçaria foi o detalhe de decoração que os estilistas escolheram, no Verão, foram os papéis de parede com padronagens florais que inspiraram.

Na nova colaboração da Mary Katrantzou com a Topshop:

E em editorial da revista W de Março:

Fotos: Vogue.com, FashionGoneRogue.com, Topshop.com.

5 Comentários

Arquivado em Fashion Week, NY, Trend alert

Hit da temporada- “Trophy pants”.

Qual o ponto em comum entre as últimas capas da Vogue Italia e Inglesa? Fora duas modelos Brasileiras (Raquel Zimmerman e Gisele), é o uso das “Trophy pants”

Já faz algum tempo que a calças deixaram de ser básicas, para virarem as estrelas das composições. As calças coloridas continuam populares nas próximas temporadas (olha o post que fiz ensinando a usá-las aqui) e as jeathers também não vão sair de cena tão cedo, para entender como é este tipo de calça clica aqui. A idéia é fugir do básico, quanto mais especial e diferenciada, melhor. O mais legal é que a calça “troféu” é ótima para as mais ousadas para misturar com estampas ou brincar com as cores. Assim como para as mais discretas, que podem combinar as calças com peças clássicas do seu estilo e garantir um look incrível sem muito esforço.

As calças ganham destaque nos looks, e viraram tão objeto de desejo que ganharam um nome, são as “Trophy pants”: Em clima maximalista com animal print na versão Italiana, e em clima psicodélico sofisticado na Vogue UK.

O estilo psicodélico que comentei neste post, é aposta da Jalouse em tons de vermelho:

As calças com estampa de animal print estão em alta, a Vogue Italia mistura onça no editorial principal da edição:

Seguindo nos editoriais, a Vogue Alemã traz mais do estilo maximalista com animal print e muita mistura de texturas:

A Current Eliot é a responsável pelo jeans desejo da temporada, com estampa de onça, que virou favorito dos sites de street style:

Caroline Blomst fotografou Geraldine Saglio com a calça, e também mostrou como gosta de usar a sua:

A outra calça troféu do momento, é a da Isabel Marant, com motivos Navajo, a calça Renell  foi criada para o Outono/Inverno 2011-12:

Para o Verão 2012, Marant criou três calças statement diferentes para tentar repetir o sucesso da Renell: Floral abstrato, patchwork e tie-dye. Qual delas vai ser o próximo hit?

E não foi só ela, mais estampadas prometem dominar o Verão como mostraram Altuzarra, Erdem, Matthew Williamson e  Michael van der Ham:

Com renda, brocados ou cortada à laser, a calça também aparece em looks mais elegantes e de festa: Na Vogue Paris, o modelo Flare com bordados e transparência é alta-costura de Zuhair Murad:

Branca e rendada na A magazine Italiana, com lenço clássico de caveiras McQueen:

Nas ruas, a variedade é imensa: Em tons mais neutros, a calça jeans escolhida por Poppy Delevigne é discreta e interessante.

Já a calça criada por Mary Katrantzou para a sua colaboração com a Topshop, traz a marca registrada da estilista- Estampas e cores:

E não é só nas colaborações que a marca de fast fashion vai investir nesta tendência, a coleção de Holidays que acaba de ser lançada, traz uma calça com metálicos estilo glam rock:

Seguindo o glam rock, no Verão 2012 Diesel Black Gold, Mugler, Paco Rabanne e Theysken´s Theory também optaram por brilhos e metalizados para embelezar suas calças:

Fotos: Topshop.com, FashionGoneRogue, Vogue.com, Style.com, StoreMags.com, StockholmStreetStyle, Topshop.com, Jak&Jil, Elle.com.

5 Comentários

Arquivado em Inspirações, Trend alert

Imagens da semana: “Updates” das tendências.

Esta semana me deparei com várias imagens confirmando algumas das tendências que comentei aqui no blog. Como o tempo anda curto (mas estou com vários posts engatilhados que devem entrar no findi ou no início da próxima semana), resolvi criar essa tag para o site:
A volta das polêmicas cruzes, que mostrei aqui, é confirmada em dois editorias de revistas importantes: Numero Francesa em estilo medieval e V magazine com inspiração em Elizabeth Taylor e styling de Carine Roitfeld, silhueta anos 40 e toque maximal:

O verde que já ganhou dois posts aqui é aposta da Vogue UK de Outubro, alto glamour no vestido Pucci com brilhos e a mistura de verdes anos 70, incluindo o verde do verão- menta:

O roxo, uma das principais cores do Outono/Inverno que falei aqui é estrela da capa da NYLON em estética anos 60 com mistura de estampas incrível:

O revival das estampas de lenço que contei aqui, apareceu no tapete vermelho usado por Keira Knightley. A escolha foi um vestido da designer Mary Katrantzou, que fez uma das coleções mais celebradas da última London Fashion Week:

As estampas P&B, tema deste post, também seguem em alta. Na Teen Vogue de Outubro a saia de onça P&B em lindo look anos 50/rockabilly e no estilo bem clássico da Marie Claire Italiana de Setembro:

A saga do vermelho continua e o maximalismo também em foto deslumbrante da Vogue Turquia de Outubro:

A bolsa vermelha, dica que eu dei aqui, é aposta da Vogue Japão em dois editoriais diferentes: O primeiro feito em parceria com a Bally traz o look P&B acompanhando o acessório vermelho, outra sugestão que mostrei aqui. E o outro em estilo “uptown girl” combinado com neutros:

O brilho que falei aqui, super febre da temporada aparece em editorial da Vogue Austrália e da Vogue Itália. Ambos optaram pelos paêtes grandes da Prada, aposta certeira em versão boneca futurista, e na Vogue Itália a mistura de cores em clima mais soturno:

Muitas inspirações para o final-de-semana!

Fotos: JustJared, StoreMags, Style.com.

Deixe um comentário

Arquivado em Inspirações, Trend alert