Arquivo da tag: power dressing

Anos 80- A década da vez.

Muita gente só de pensar (e lembrar) da moda desta década já fica toda arrepiada- No mau sentido. Mas considero os anos 80 injustiçados, tá certo, muita coisa merece morrer no ostracismo (polainas coloridas!) , só que muitas das coisas que usamos hoje em dia são provenientes de lá…O uso desenfreado de couro, a predileção por veludo, as jaquetas perfecto, os brincos statement, tanta coisa que a moda anda reciclando é herança dos anos 80.

Evoluindo das peças amplas e boho dos anos 70, os anos 80 trouxeram o “power dressing”, quando a mulher definitivamente migrou para o mercado de trabalho , a cultura do videoclipe foi criada (Madonna e Michael Jackson eram os maiores ícones) e o culto ao corpo chegou com força, com eles peças ajustadas. Filmes e seriados de TV também eram muito influentes, os óculos espelhados, metalizados e os blazers com as mangas puxadas, como o look Haider Ackermann de Tilda Swinton na foto que abre o post, eram uniformes da série Miami Vice.

Uma das marcas mais influentes do mundo, a Balenciaga, apresentou coleção de Inverno 2012-13 toda inspirada nos anos 80. Pontos de cores vivas, suéters oversized, formas quadradas, tudo estava presente nas criações de Nicholas Ghesquiére.

Além de camisetas estampadas com filmes e bandas, como a do look Balenciaga acima, as divertidas com frases (oriundas da cultura street e do hip-hop), os crucifixos, que já ganharam post aqui, também devem seu sucesso aos 80´s. Aqui em editorial da última Vogue Paris:

Casacos com shape “boxy”, mais quadrados vieram com o “power dressing”, eram favoritos na época e serão uma das silhuetas mais importantes do próximo Inverno. O look book da H&M (Que aliás, chega no Brasil em 2013!), traz sua versão cropped:

Nas passarelas, os casacos quadrados foram os favoritos. Surgiram na Unique em look utilitário, acinturados na Lanvin e longos em turquesa na Céline, em contexto mais esportivo:

O formato também surge em editorial da revista Elle América, aqui quase arquitetônico e minimal:

Os vestidos de festa, sempre maximais, com detalhes como babados, transparências, são alvos das maiores críticas quando se fala em moda 80´s. Mas a dupla da Opening Ceremony na Kenzo e Alber Elbaz na Lanvin não se intimidaram e criaram os seus para o Inverno 2013:

Veludo, cintura marcada por cintos pesados com dourado, ombros volumosos, argolas, vários aspectos oitentistas surgiram neste editorial P&B da Vogue Paris:

Alguns detalhes podem referenciar à década, sem parecer festa temática.

Boinas eram muito usadas. Originalmente nos anos 40, ganharam releitura nos anos 80. Em versão 2012, a Louis Vuitton apostou na sua coleção Pre-fall (Luvas também remetem à década, Madonna era fã!):

Cintos grandes e meia-calça trabalhada. As meias com desenho são ótimas alternativas para deixar um look básico mais especial e eram artifícios muito utilizados na época. Bolsa de corrente com alça longa era outra peça obrigatória que continua clássica (Quem não tem uma?!):

Quem definitivamente não curte a silhueta e não pode nem ouvir falar em looks 80´s, pode aderir através da maquiagem. No caso, mais é mais! Sabe aquela dica básica das maquiadoras “Olho tudo, boca nada ou vice-versa?” Nos anos 80 a ordem era olho tudo, boca também. A última capa da Vogue Russa entrou totalmente no clima, lembrando as supermodelos da época como Stephanie Seymour em clipes do Guns & Roses.

Convencidas ou vão seguir com o preconceito com a década?

Fotos: Vogue.com, VogueFR, H&M, Elle.com

9 Comentários

Arquivado em Como usar?, Inspirações, Trend alert