Arquivo da tag: Pucci

#MFW- O retorno do cinturão e moda festa.

dolce3

Excesso é uma palavra que combina com Milão, os Italianos tem predileção por dourado, bordados. Nesta temporada não foi diferente, mas a proposta é bem mais fresh.

Dolce & Gabbana colocou suas meninas douradas na passarela junto com outras marcas registradas como poá, renda e vermelho. O que chamou atenção foi a inspiração em moedas que apareceram nos acessórios de cabelo, formatos de bolsa, padronagens de vestidos e nos cintos grossos em estilo cinturão.

dolce

Moedas e flores enfeitavam as coroas e tiaras usadas pelas modelos:

Dolce_20

O cinturão faz retorno triunfal também por Peter Dundas na Pucci. Aqui a influência é esporte glam, onde shapes que lembram boxeadores são misturados com ricos bordados coloridos e toques femininos:

pucci2

A Pucci encantou com sua proposta maximalista, destaque também ao apelo rock´n´roll graças aos cintos bem anos 80:

pucci3

Riqueza nos detalhes:

pucci

A camiseta estilo rocker ganhou ar festa total Pucci em couro e com saia bordada e na Versace com mangas metalizadas e cinto 80´s:

versace

Em seu desfile, Cavalli usou símbolos no mesmo estilo que estampam a camiseta da Versace e os cintos da Pucci: Eles surgiram nos colares que apareceram compostos com os vestidos deslumbrantes:

cavalli

Shapes e referências anos 20 em mood glam rock:

cavalli2

Mais é mais para ocasiões noturnas em Milão…

Fotos: Vogue.com.

Anúncios

1 comentário

Arquivado em Acessórios, Fashion Week, Trend alert

De olho na tendência- Florais reinventados.

printmary

Olhando novamente as coleções Resort 2013, acabei me apaixonando pelas criações de Mary Katrantzou, conhecida por suas estampas digitalizadas e criativas. Nesta temporada uma mescla de paisagens bem urbanas se misturam com referências da natureza. A estilista foge do efeito espelhado que a tornou famosa para um mix bem mais interessante.

A cartela de cores e os shapes das peças, sua maioria mais elaborada por detalhes como fendas e assimetrias, também merecem destaque:

print

Os designers da cena de moda Londrina como Mary não tem o menor medo de experimentar com padronagens e quase sempre conseguem um resultado alegre e moderno. A escolha de tons também surpreende.  Michael Van der Ham investiu no estilo mais 60´s e cores mais fortes:

printmichael

Roksanda Ilincic com sua mulher impossivelmente elegante aposta nas flores cortadas em efeito 3D. A cara mais contemporânea é garantida pelo cinto metálico e pelos sapatos com toque neon:

printroksanda

O canadense Erdem já é o rei da renda e não desaponta. Calças e vestidos com renda e estampas de flores e plantas ganham ar fresh com detalhes transparentes. Até a jaqueta de couro leva bordados florais:

printerdem printerdem2

Falando em transparências, a Marie Claire UK mostra vestido incrível da Rodarte com flores aplicadas no tule e estampa levemente étnica:

printrodartemclaire

Já o modelo Pucci segue a padronagem icônica da marca que ganha update em crochê com motivos florais em tons de azul:

printpucci

Atualizando os looks para primavera.

Fotos: Vogue.com, Zinio.com.

Deixe um comentário

Arquivado em Inspirações, Minimal vs. Maximal

Jeans- O eleito da temporada Resort.

denim

Se você acha que já esgotou as possibilidades de incorporar o jeans nos seus looks, pense novamente. Uma das melhores coisas da moda é a possibilidade de renovar peças e mostrar maneiras interessantes de repetí-las.

Na temporada Resort, o jeans dominou e dá para adaptar o material para todos estilos e ocasiões. Começando por Riccardo Tisci na Givenchy (fotos acima), que aproveitou shapes de vestidos de festa e formas femininas para usar o tecido. Gostei muito da versão ladylike com escolha inusitada de material.

A The Row continua com sua silhueta midi e mais ampla. Substituindo a seda e o cetim da última coleção, pelo  jeans. Minimalismo impera:

denim3

Jeans com jeans na Chloé em proposta desconstruída, o material ganha tratamento “risca de giz” e resultado cool:

denimchloe

Para Louis Vuitton, Marc Jacobs criou saia midi (infelizmente tenho uma implicância imensa com saia jeans, preconceito mesmo), e genialmente no casaco alongado lembrando os clássicos modelos de tweed da Chanel. Adorei a versão em denim:

lv

Dá para levar os looks direto para um trabalho mais formal, graças ao talento de Joseph Altuzarra que vai com gosto no estilo 70´s e influência boho:

denim2

Outra opção, é aproveitar alfaiataria em propostas mais modernosas, como fez Prabal Gurung:

denimprabal

Calça jeans, o maior clássico junto com camisa branca, invade as coleções e surge em modelo cropped ajustado, ou no estilo boyfriend com barra longa. O segundo look da Theysken´s Theory ficou incrível:

they

Até quem é adepta de um estilo mais high do que low, pode se jogar. Basta ver o exemplo da Pucci que combina sua célebre estampa com blazer pink e sandália gladiadora. O modelo de sapato vai ser o mais popular no Verão, vale muito dobrar a barra da calça para exibir melhor a escolha para os pés:

denimpucci

Destroyed, minimalista, oversized, clássico, sofisticado…

Fotos: Vogue.com.

1 comentário

Arquivado em Inspirações, Trend alert, Update das tendências

Trend alert- Groupie.

groupievrussia3

Todo mundo sabe o quanto a música influencia a moda. No momento, o hip-hop dos anos 90, o grunge e o punk são os mais referenciados. Nesta temporada, os estilistas foram buscar inspiração nas groupies: Mulheres que ficaram conhecidas nas décadas de 60 e 70 por se relacionarem e inspirarem músicos famosos . Groupies sempre existiram e vão continuar existindo, mas nessa fase elas se tornaram icônicas como Jane Birkin, Marianne Faithfull, Bebeb Buel (que inspirou a Penny Lane do “Quase famosos”), Pamela des Barres e a minha favorita eterna: Anita Pallenberg.

Algumas características da moda dos anos 70 são super marcantes do estilo delas como: Chapéus, referências étnicas, franjas,bolsas de alça longa,  bota de cano longo ou cuissarde, tons terrosos, acessórios estilo boho, couro, camurça, pele. Não é a toa que Anita é também musa de Kate Moss e Sienna Miller.

Nesta nova leitura, a tendência aparece levemente atualizada, mas sem perder nada do charme que já conhecemos.

Olhando a Vogue Russa, me apaixonei por este editorial com Ruby Aldridge. Bem ao estilo setentista. Reparem no colar longo (que já ganhou post aqui) e no uso de couro e veludo, sem esquecer dos chapéus. A foto que abre o post, também do editorial, é a síntese perfeita do look groupie 70´s: Sandália gladiadora (volta com tudo no Verão), vestido floral, chapéu e a jaquetinha de couro que pode até ser emprestada do namorado.

groupievrussia2

No próximo Inverno não vão faltar idéias: Tom Ford, Isabel Marant (animal print tem tudo a ver), Pierre Balmain já com inspiração mais punk, Pucci e 3.1 Phillip Lim, bem mais cool.

groupie

Hedi Slimane também aderiu na Saint Laurent, aliás sua ligação com música é mega importante. Aqui o aspecto já se torna mais grunge, mas sem esquecer do toque glamour com brilhos. Kate Moss já usou a meia-calça durante a PFW:

groupie2

A nova revista “Document” traz a idéia para um contexto mais hippie:

groupie

Na Vogue UK, o assunto também entra em pauta estrelado por Arizona Muse:

groupievuk3

Na Elle americana, uma versão mais minimalista, mas respeitando o clima rock´n´roll:

groupie3

Moda que eu amo e estilo que considero atemporal! A dica é combinar com peças mais modernas e de tecidos com qualidade, assim o look não fica caricato e ganha personalidade. Vocês gostam?

Fotos: Reprodução.

Deixe um comentário

Arquivado em Trend alert

Trend alert- Os casacos do pré-outono.

coverup

Esse post estava guardado nos rascunhos do site porque quando escrevi, os dias ainda estavam quentes demais para pensar no assunto. Ainda estou em Londres (congelando com neve e temperaturas negativas) e sei que no Brasil o Outono já começou a aparecer. Por isso vale a pena conferir as apostas da temporada pre-fall para se aquecer nos dias frios.

Começando com modelos trespassados com influência super masculina, eles garantem um resultado elegante e apropriado para trabalhar e ocasiões mais formais. Andrógino na Balenciaga (centro) e feminino devido ao detalhe com pele e luvas na Gucci (último look).

O meu favorito, e também mega popular no Outono/Inverno recém-apresentado por aqui, as capas ou pelerines chegam com força e garantem sofisticação e um ar de mistério. Confesso que atualmente ando obcecada com o modelo. Em couro na Givenchy, mais clássico na Chloé, com influência oriental na Stella McCartney e P&B 60´s na Pucci:

coverup2

A silhueta oversized continua muito popular e surge em todos os estilos de casaco, quanto mais amplo melhor. O modelo duffle do centro é da Carven e empresta um ar college despretensioso. Reparem também como o tom preto perde a majestada para camelo e navy:

coverup3

Para finalizar, uma alternativa para fugir dos momentos gelados: O colete de pele, onipresente há várias temporadas surge colorido e alongado. Ótimo para sobrepor peças de lã nas temperaturas mais baixas ou blusas mais leves enquanto o tempo permitir.

colete

Qual desses vocês vão usar no Inverno?

Ainda tenho muita coisa para comentar sobre os meus dias por aqui. Aguardem esta semana!

Fotos: Vogue.com

Deixe um comentário

Arquivado em Trend alert

Prada e o melhor da #MFW.

prada

Chegamos ao resumo da penúltima semana de moda da temporada internacional, Milão. Minha maneira de mudar um pouco o enfoque foi comentar a coleção de Inverno da Prada. A marca é uma das mais influentes na indústria e tende a guiar as tendências da estação junto com nomes como Louis Vuitton e Céline. A maior prova é que os principais elementos do desfile também podem ser observados nas propostas dos outros estilistas.

Super feminina e com toque anos 40, a cartela de cores ricas e os toques luxuosos garantem um Inverno sofisticado, contemporâneo e com pegada vintage, sem ficar cansativo ou com ares de nostalgia. Um pouco do espírito grunge estava presente por conta das sobreposições e do styling despretensioso.

prada

As cores destaque foram vermelho e mostarda. O azul petróleo também merece atenção, assim como variações de cinza: Alberta Ferreti, Jil Sander, Dolce & Gabbana e Versace também aderiram.

cor

Entre os metalizados, outra tendência que continua forte, o dourado é o eleito dos italianos. E foi uma das maneiras que Miuccia Prada encontrou para modernizar shapes mais old-school.

prada2

Um certo clima dark permeou a semana com predileção por looks preto, sempre com cintura marcada e por vezes flertando com o femme fatale, como mostraram Gucci e Versace. Na Prada o preto aparece em looks com transparência e mistura de texturas:

preto

As estampas favoritas são as quadriculadas (na Prada o vichy imperou), o píncipe de Gales ou o tartan. Aliás o xadrez se mostrou soberano também na Paris Fashion Week e será a principal padronagem do Inverno. Listras um pouco mais variadas e sem a referência direta 60´s do último Verão também ganharam força:

Vale lembrar que este ano,  o tema da exposição anual do Costume Institute no MET em NY é o movimento punk. Certamente fator influenciador das coleções:

xadrez

listra

Detalhes em pele se fortaleceram. Na Prada o efeito favorito foi nas mangas. O que mais me chamou atenção foi o uso da estola, há pouco tempo considerado ultrapassado, como no styling incrível da Marni (segunda foto ):

pele

Saias levemente assimétricas em comprimento médio foram as prediletas na Prada, no restante das coleções a assimetria continua, mas com toque mais atual e fendas, como as mostradas na #NYFW. A versão mais bem-sucedida é a da Fendi (segunda foto):

saia

Algumas referências orientais surgiram na coleção, principalmente no corte de certas peças. Outras marcas levaram a influência mais a sério, como a Gucci que mesclou o clima “expresso do oriente” com diva noir:

oriental

EXTRA: Para fechar o post sobre a temporada Milanesa, três looks da coleção de Peter Dundas para Pucci. Pouco inovadora e focada nos símbolos da marca com estamparia, estilo 70´s e sex appeal. O desfile mostrou looks usáveis e com glamour que remetia a ícones como Anita Pallenberg e Jane Birkin. Pouco conceitual, super usável e com uma das minhas estéticas favoritas! Prestem atenção nas botas acima do joelho “Cuissardes”, elas serão importantes para o Outono/Inverno:

pucci

Com qual das tendências vocês mais se identificaram?

Fotos: Vogue.com.

Deixe um comentário

Arquivado em Fashion Week, Minimal vs. Maximal, Trend alert

Pre-fall 2013/14 : Festa.

evening3

 

Muitas apresentações de pre-fall depois, resolvi selecionar o que vi de mais recorrente na temática festa. Diferente da temporada de alta-costura, no Pre-fall os vestidos são lindos, mas acessíveis e podem servir de inspiração para todo mundo.

O que mais chamou a atenção, foi o domínio dos looks em preto para noite. O grande diferencial é o toque de transparência, presente em praticamente todas as marcas.  Minimalista com beleza anos 40 na Gucci, drapeado para Prabal Gurung, manga longa e babados na Givenchy e Missoni.

A marca Alice + Olivia seguiu a fórmula, mas com pegada anos 30 e renda. Mega romântico:

eveningaliceolivia

 

Para quem cansou da obviedade dos vestidos longos, os estilistas apostaram no macacão. Peças versáteis e muito chiques, são ótimas alternativas para um evento mais formal, sem perder o conforto. Na Pucci, Peter Dundas apostou no roxo de veludo molhado, Jason Wu vai de clima studio 54, Stella McCartney na combinação de azul noite com preto e Temperley sugere o efeito emagrecedor do detalhe em branco na lateral. Observem que a cintura marcada impera. Truque fundamental para ficar longilínea e manter a sofisticação:

evening2

 

Entre as coleções, destaque especial para a linha black tie de Jason Wu, que surpreendeu com sua coleção inspirada na era disco dos anos 70. Transparências estratégicas e brilhos foram absolutos. A beleza, com cabelo para o lado e batom vermelho, também estava impecável e merece um copy + paste:

evening5

 

Dourado com preto é equação infalível para os dias em que buscamos glamour. O vestido clarinho de inspiração grega também é chave:

evening6

 

Para quem não cansa das cores, separei dois exemplos minimalistas, mas com detalhes especiais: O vestido coluna azul de Jonathan Saunders fica ainda mais interessante com o painel preto na lateral (que tem efeito super emagrecedor), já o drapeado laranja de Matthew Williamson faz just ao estilo gypset do designer e fica perfeito arrematado pela clutch de inspiração étnica:

evening4

Em tempo: A Vogue Itália de Fevereiro adianta a tendência dos vestidos pretos com transparência como queridinhos da temporada.

heritagevitaliaFotos: Vogue.com, Zinio.

Deixe um comentário

Arquivado em Como usar?, Inspirações, Trend alert