Arquivo da tag: street style

Trend watch- Manga maxi.

manga4

Faz tempo que a moda oversized anda em alta, e os estilistas decidiram ir buscar nos anos 80 a inspiração para transformar mais um detalhe em XXL. Seja pelo volume ou pelo comprimento (ou por ambos).

Nas passarelas, Céline (Phoebe Philo, sempre ela) foi a mais celebrada ao trazer a opção da manga sino e longa:

mangaceline

J.W Anderson, Marques Almeida e Vetêments também apostaram na última temporada de Outono/Inverno. Pelos nomes que apoiam a “causa” dá para ver que a tendência é super cool.

mangat

Musa fashion número 2 (ela sempre ficará em desvantagem na comparação com Carine), Christine Centenera elegeu o vestido minimal para experimentar. Confesso que essa manga branca me dá agonia, imagina quão fácil de lidar? (SQN).

manga9

A manga tipo sino em outro branquinho básico:

manga12

Vocês podem argumentar, com razão, que esta tendência não é nada prática, mas dá para pensar que protege bem do frio. Otimismo sempre!

manga7

Na camisa branca:

manga14

Três versões:

manga16

Criar o efeito, sem o desastre em potencial? Que tal a manga alongada, mas com recorte?

manga2

A fenda permite movimentos sem atrapalhar e correr o risco de sujar.

fenda

Dá também para dobrar:

MANGA17

Ou com sobreposição:

manga1

Para finalizar, as coleções de Verão 2016 confirmam o lugar de destaque das mangas, notem que agora elas surgem em versões mais ajustadas: J.W Anderson, Gucci, Céline e Vetements:

ss

Com charme, mas sem muita pratiidade. Vocês curtem?

Fotos: Reprodução.

Deixe um comentário

Arquivado em Como usar?, Inspirações, Minimal vs. Maximal, Trend alert

De olho na tendência- Skinny scarf.

gravatanja2

De vez em quando acontece: Uma imagem qualquer que a gente tromba no pinterest e nos chama atenção por algum motivo que não conseguimos identificar. Coloco no moodboard e deixo lá. Aí vem à memória uma coleção da Prada do ano passado que eu gostei muito, onde as modelos usavam lenços bem estreitos e longos à lá estrelas do glam rock dos anos 70. Me recordo que tentei usar o artifício no styling deste editorial “Muse´s Refuge”  de Agosto de 2014. E então os pontos começam a se conectar, a estética de Hedi Slimane que tanto amo, Keith Richards e Anita Pallenberg nos anos 60, Kate Moss sempre. O que todos tem em comum? A predileção por skinny scarfs, moda que parece relevante e legal novamente.

O look que abre o post, da modelo Anja Rubik nas ruas de Paris, foi o que despertou esse brainstorming. Aí bastaram dois minutos para lembrar do desfile de Inverno 2015 da Chloé, já declarei meu fascínio pelo Chloé Girl neste post e ele foi aumentado pós coleção Outono/Inverno. Clima romântico, boêmio e levemente dark me encantou:

gravatchloe5

De perto, a prova de quanto os acessórios são responsáveis por informar moods, por mais simples que sejam, podem ser aliados poderosos. O combo camisa branca e colete (vontade grande de retomar o uso dos modelos curtos de alfaiataria usado com peças desconstruídas) ganha atitude devido ao uso do lenço:

gravatchloe

Hedi Slimane é entusiasta na Saint Laurent desde que assumiu a maison, como prova seu desfile do Verão passado em clima 70´s:

gravatsl

Na Bazaar UK, bem nonchalant no look Chloé:

 

http://avxhome.se/blogs/crazy-slim

Na Vogue Russia usado com peças de inspiração masculina:

http://avxhome.se/blogs/crazy-slim

Na Bazaar UK, estilos anos 60 é quebrado pela skinny scarf:

http://avxhome.se/blogs/crazy-slim

Nas lojas, as marcas fast fashion incorporaram para o inverno 2016 chegando lá fora. Zara:

gravatzara2

Também em branco:

gravatzara3

Metalizados, com apelo anos 70:

skinny

Estilo bem francês, com listras e jeans:

skiny2

Na H&M:

handm

Na Mango, apesar da predileção pela década de 80, as marcas continuam apostando nos embalos setentistas comercialmente:

Mango

Na Saint Laurent, esse tipo de lenço bem fino, também chamado de Skinny scarf, foi batizado de Lavalier e é um clássico disponível em todas temporadas. O acessório invadiu o street style em looks inspiradores como este (outro) de Anja:

gravatanja

Minimal e cool na composição de Elin K:

gravatstreet

Adepta há muitos anos, Kate Moss usa constantemente:

gravatkate

Rockins é a marca de uma dupla de amigos de Moss especializada em lenços de todos os tipos, ela adora desfilar com os seus:

kate

A marca é favorita de Kate:

ROCKINS-256

A existência da Rockins e o sucesso grande para uma marca nicho comprovam que é um truque de styling atemporal que vive momento especial. Para aderir já!

Estilo rock´n´roll de luxo..

Fotos: Reprodução.

Deixe um comentário

Arquivado em Como usar?, Inspirações, Trend alert

Adaptando a tendência- Inverno colorido.

geometricow

Foi-se o tempo que Inverno era sinônimo de tons fechados e aparência triste, cada vez mais a moda tem inspirado a explorar possibilidades e experimentar coisas novas. No próximo Inverno esse espírito surge maximizado: Mix de estampas em materiais clássicos como tweed, fuchsia, turquesa e amarelo… A irreverência toma conta e atualiza a idéia de sofisticado.

Na W, várias idéias de styling em looks Prada e Gucci:

geometricow2

Tons pastel não ficam de fora, como comprova a Elle Italia em look com referência sporty:

Colorido não precisa ser over, tons queimados com toques de luz como azul turquesa e salmão são belas idéias:

sw3

O tweed é um clássico e a Vogue China aposta:

geovoguechina8Seguindo a cartela, na Vogue América, o look Louis Vuitton mais gráfico e cool:

geovogueausA sugestão na Vogue alemã é  esmeralda:

geovoguegermanA Vogue japones sugere a versão Margot Tenembaum, pele em tom caramelo:

geovnippon

 

Multicuturalismo no look Isabel Marant na versão alemã com estampa navajo:

 

 

 

geovoguegermNa System, uma aposta elegante e certeira. O casacão de Inverno em vermelho fica mais feminino com a cintura marcada:geosystem

 

A Vogue chinesa ousa mais com os recortes do design da Proenza Schouler:

geovoguechina

Miroslava Duma inspira no street style, notem como o casaco amarelo anima o look preto total:

geomira

Cores o ano inteiro!

Fotos: Reprodução.

Deixe um comentário

Arquivado em Adaptando a tendência, Como usar?, Inspirações

Preferidos- Melanie Huynh.

mel4

Para a segunda parte do post das minhas musas sartoriais, a stylist Melanie Huynh. Se Centenera mergulha no minimalismo moderno com muito street e apelo mais fashionista, Melanie é a rainha de emprestar um olhar novo para os clássicos.

mel3

Franjas ficam modernas:

mel2

 

Utilitarismo é uma das suas modas favoritas, ela adora emprestar um ar boho ao estilo:

boho

 

A parka combinada com couro fica sofisticada:

mel6

As tendências surgem, mas sempre acompanhadas de peças atemporais, como as camisetas divertidas:

MEL

Para renovar o preto total, sapatos bem especiais:

mel5

 

Sabe que um dos melhores truques para usar uma composição toda preta é misturar texturas:

mel2

Ela é mestra em looks monocromáticos:

mel

Mel sabe que não precisa de muito para criar um look incrível: O poder de um belo casaco…

mel4

Balenciaga da época Ghesquiere complementando o combo skinny + scarpin:

mel5

Ela foi assistente por muitos anos da minha maior inspiração, Carine Roitfeld. Hoje é stylist e consultora de moda colaborando para revistas como CR Fashion Book e marcas como Altuzarra ( de quem é uma das musas), Lanvin e Zadig et Voltaire:

mel3

 

Ela define seu estilo como rock´n´roll, francês, muito preto, calça skinny em jeans ou couro e muito amor por sapatos:

melanie

Recentemente ela  assumiu o posto de editora de moda do site super inspirador “Signature international” com curadoria impecável, espécie de revista online com colaboradores especiais.

Fotos: Reprodução.

Deixe um comentário

Arquivado em Inspirações, Perfil