Arquivo da categoria: Truques de styling

Truques de styling- Marcas cool francesas.

maje

Já conversamos aqui sobre o “Lado B das marcas francesas”. Elas continuam sendo minhas favoritas para comprar e inspirar. Pensando nisso, fiz um apanhado das novas campanhas de Inverno e trouxe para cá as idéias de styling mais legais.

O hi-lo é uma das características mais relevantes e que mais tem a cara do “je ne sais quois” francês.  Misturar peças com brilho com outras mais leves, mix de texturas, preços… O segredo está nos detalhes, peças mais básicas usadas de forma pouco óbvias e aquele ar natural, de quem não está se esforçando, apenas é.

Nos dias frios não temos como escapar dos casacos pesados, então por que não acinturá-lo com um cinto? Na Maje a opção é um decorado, já na Iro, fininho e mais clássico:

iro

 

Dá para usar o preto total quando estamos sem inspiração, para não ficar chato vale usar materiais diferentes no look e assim, adicionar um pouco do nosso estilo:

maje2

Na Iro . mais inspirações no preto total. Outra dica boa, usar sapatos pesados com tecidos leves como na foto acima, ou minis mais frescas com ankle boot. Um detalhe favorito das francesas é a calça levemente cropped, a forma mais democrática de usá-la é com scarpin, que ajuda a alongar:

iro2O corte da calça é o mesmo, mas aqui em versão jeans:

iro3

Influência esportiva e vestido suéter mais oversized na Zadig et Voltaire, o esporte aparece, mas sem perder mão do estilo street:

zadig

 

Modelagem ampla e moletom também na pegada 60´s da Sandro, aqui o esporte é ainda menos literal:

sandro

As bolsas pouco óbvias e sempre grandes ajudam a tornar as composições mais despretensiosas. Na Sandro, a mochila é eleita:

sandro2

 

Na Zadig et Voltaire, a oversized com inspiração motorcycle:

zadig3

Zadig e a capacidade de deixar toda composição mais rock´n´roll e despretensiosa,  o short runner é combinado com peça de alfaiataria no clássico P&B:

zadig2

Para finalizar, se não é muito fã de estampas, faça como as labels francesas e aposte nas clássicas: Listras, poá, onça, quadriculada, pied-poule. O inverno da Kooples é boa referência:

koopleskooples2

No clima do livro da musa Caroline de Maigret “How to Be Parisian Wherever You Are: Love, Style, and Bad Habits”.

 

Fotos: Reprodução.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Inspirações, Truques de styling

Truques de styling- Couture Outono/2014.

ALTA3A semana de alta-costura acabou de acontecer em Paris. E ao invés de vir aqui e só mostrar para vocês os vestidos lindos, resolvi separar algumas idéias de styling interessantes que todo mundo pode aproveitar para a próxima festa.

Abrindo com Giambattista Vall. Nem todo vestido de gala precisa ter bordados, renda ou uma cor muito chamativa. Muitas vezes é legal optar por um tom bem neutro e apostar no corte diferenciado. Reparem no resultado incrível dos vestidos P&B acima. Outra idéia boa é acrescentar um cinto, versátil e ótimo para emprestar uma nova cara ao pretinho básico.

Mais exemplos de Giamba, no caso, optar por estampas florais, perfeitos para um casamento no fim da tarde ou na praia:

ALTA2Na Chanel, mais duas idéias: Já pensaram que mandar fazer uma saia e uma blusa bem lindas pode ser mais inteligente do que um vestido? Duplica-se as possibilidade de uso!

Um vestido tomara que caia pode ser usado no Inverno sim, basta acrescentar um casaco por cima. Mais legal do que a pashmina ou estola de sempre. Para modernizar, um blazer de paetê é aposta certeira:

ALTA4Se você se sente confortável com o comprimento midi, um vestido no estilo fica super lady-like e pode ser um belo aliado nas festas. Não sabe como usar este tipo de peça? Dá uma olhada no post “Adaptando a tendência- Comprimento midi”. Este corte, ajustado na cintura com saia volumosa também é boa pedida.

ALTA1Armani foi surpreendente. O estilista, que estava de aniversário ontem, apresentou uma coleção bem usável e primorosa. Da cartela de cores, uma boa lembrança: Preto, vermelho e branco são imbatíveis para garantir um look chique. Lembram desse post? “Adaptando a tendência- Vermelho e preto”. 

ALTA5

Ao optar por tons mais neutros na roupa, um acessório com animal print pode ser uma alternativa para enriquecer a combinação. Outra idéia, é investir em um casaco bordado ou com textura interessante:

ALTA6Longos vermelhos normalmente tem conotação sexy, mas não precisam. Dá para fugir do óbvio ao optar por um shape bem feminino e romântico ou por um modelo mais coberto:

ALTA7

Cinza claro não é um tom muito popular, mas Valentino e Zuhair Murad provam que poderia ser. O truque é apostar nos bordados discretos, no brilhos e um jogo de transparências. Não fica super elegante?alta9

Fechando com Elie Saab. Para os dias frios, inspiração maravilhosa: Vestidos com manga longa e saia mais armada, para acertar mesmo, bolsos são elegante e práticos. Só cuidado, pois eles podem acrescentar volume ao quadril.

alta8

Inpirações mil…

Explicando a Alta-costura: A alta-costura é o topo da moda. O nome é protegido e só podem desfilar nesta semana os membros da”Chambre de commerce et d´industrie de Paris”. Os desfiles, que são verdadeiros shows, movimentam milhões para as marcas de luxo, não vendendo as peças apresentadas (apenas 2.000.00 mulheres no mundo tem acesso à alta-costura, e somente 200 são clientes regulares), mas pela publicidade gerada em razão das celebridades nas primeiras filas e, principalmente pelas roupas impecáveis. A alta-costura vende o conceito da marca, os melhores tecidos possíveis, bordados inimagináveis, tudo feito em perfeição e maestria. As peças são todas feitas sob-medida para a cliente que geralmente precisa fazer 3 provas de roupa até recebê-la. Os perfumes, maquiagens, acessórios como bolsas e sapatos sustentam financeiramente estas grandes marcas, mas a “Couture” sustenta o sonho.

Fotos: Reprodução.

1 comentário

Arquivado em Fashion Week, Truques de styling

Truques de styling: Chanel Resort 2015.

chanelDetalhes fazem toda a diferença. O Resort da Chanel, apresentado ontem em Dubai, traz inúmeras idéias para acrescentar nos looks e criar composições lindas e criativas.

Com silhuetas complicadas, sobreposições bem volumosas e texturas difíceis de combinar, a coleção foi interessante, mas pouco acessível. Já os acessórios foram de encher os olhos e repleto de inspirações para a gente arrematar já.

Começando pela cabeça, tiaras e headbands fazem parte do repertório de acessórios disponiveis há algum tempo, Karl Lagerfeld propõe o uso do broche (um vintage maravilhoso cai mega bem) para enfeitar o cabelo em ocasiões especiais:

chanelbrooch

chanel2

Acessórios gêmeos, repetir pulseiras iguais nos dois braços é lindo e funciona super:

chanel3

Mas dá para expandir a idéia: Combinar pulseiras e o cinto, ou então testar trigêmeos com colar e pulseiras idênticas. Em alguns looks os anéis iguais também apareceram.

chanel4

Colares longos, podem ser estilo maxi, mas que tal variar um pouco dos modelos de pedrarias usados na gola? Eles apareceram também e não vão perder força. Para quem quiser atualizar os looks, misturar dois colares longos similares é uma bela idéia. Sobrepôr um colar com lenço estampado é um pouco mais desafiador, porém também vale experimentar:

chanel5

Repensando as pérolas: Em formato de clutch maxi ou no contorno do óculos escuro e nas várias voltas do cinto, dá para modernizar o clássico:

chanel6

Para finalizar, meias acima do joelho.  A bota over the knee é a mais popular do Inverno, a idéia é substituir a bota pela meia, o modelo prateado fica melhor em pernas finas, quem curtiu a proposta pode testar meias mais finas pretas para usar com salto alto. Efeito similar e certeiro!

meia

Qual truque vocês mais curtiram?

Fotos: Vogue.com.

Deixe um comentário

Arquivado em Acessórios, Inspirações, Truques de styling